MULHERES

O novo clipe de Ana Cañas é um manifesto poderoso pela vida das mulheres

86 mulheres que estão na linha de frente da resistência feminista participaram do vídeo.

15/05/2017 15:59 -03 | Atualizado 15/05/2017 16:43 -03
Divulgação
86 mulheres que estão na linha de frente da resistência feminista participaram do vídeo.

Maria da Penha, Monique Evelle, Laura Neiva, Maria Rita Kehl, Preta Rara, Elza Soares, Andréia Horta...

Estas são apenas algumas das 86 mulheres que fazem parte do novo clipe de Ana Cañas.

O single Respeita, que flerta com a linguagem do rap, foi lançado no último sábado (13) e traz um manifesto em defesa da vida das mulheres.

Dirigido por Isadora Brant e João Wainer, o clipe foi produzido entre o Rio de Janeiro e São Paulo.

O formato em retratos foi escolhido para enaltecer as histórias de luta e transformação de cada uma das personagens.

Foi pedido para que cada uma delas fechassem os seus olhos e pensassem em toda a agressão que já sofreram ao longo de suas vidas.

Ao abri-los, a câmera seria a responsável por captar essas respostas por meio de cada uma das expressões.

"Muitas emoções vieram à tona. Algumas gritaram, se rebelaram, outras choraram. É uma mistura de sentimentos, todos muito verdadeiros e presentes. Pude perceber que essa é uma dor que todas nós carregamos, não importando a classe social, a idade ou a cor da pele", compartilhou Ana Canãs.

LEIA MAIS:

- Adeus, armário! Este 'Clipe Bafônico' quer te mostrar 'como é bom ser gay'
- O que mulheres negras pensam sobre a marchinha 'Mulata Iê Iê Iê', destaque há 50 carnavais

36 clipes com coreografias incríveis que já tentamos copiar