MUNDO

Obama revela a única coisa da qual ele não sente falta de ser presidente dos EUA

"É uma ótima prisão."

09/05/2017 15:45 -03 | Atualizado 09/05/2017 15:53 -03

O ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, revelou a única coisa que ele não sente falta da Casa Branca: o isolamento.

"A parte mais difícil de ser presidente dos Estados Unidos é unicamente a questão do isolamento", disse Obama ao ex-chef da Casa Branca, Sam Kass, durante uma entrevista em Milão, no norte da Itália.

"O ônus de uma liderança é real em qualquer país, mas pela grande segurança em torno do presidente americano, você vive o que é chamado de 'bolha'", continuou Obama. "E é uma ótima prisão. Então você não tem a liberdade de dar uma caminhada, ou sentar em um café, porque sempre há uma preocupação sobre sua segurança. Eu não sinto falta disso."

Obama conversou com Kass depois de discursar no The Global Food Innovation Summit, nesta terça.

O ex-presidente disse que agora pode andar por onde ele quiser - desde que esteja disposto a tirar uma selfie "a cada dois passos".

"Agora eu apenas cativo selfies, o que é quase tão ruim quanto", brincou Obama.

Seu discurso focou no desperdício de comida e nas mudanças de clima, além de defender o Acordo de Paris sobre o clima. O atual presidente, Donald Trump, e seus assessores estão considerando deixar o acordo. Uma reunião sobre o assunto foi adiado para a próxima quinta-feira (11).

Obama também comentou a tensão da população em relação à política.

"As pessoas têm a tendência de culpar os políticos quando as coisas não dão certo, mas como eu sempre digo, vocês têm os políticos que merecem", disse. "E se você não vota e não presta atenção nisso, você terá políticos que não refletem os seus interesses."

Este texto foi originalmente publicado pelo HuffPost US e traduzido do inglês.

LEIA MAIS:

- Ele está de volta! Obama anuncia sua primeira aparição pública após deixar a Casa Branca

O adeus de Obama e a posse de Trump