MULHERES

MTV Awards põe fim a premiação por gênero e o destaque da noite foi todo DELAS

"Para mim isso indica que ser ator é sobre a capacidade de se colocar no lugar de alguém e não precisa ser separado em duas categorias diferentes."

08/05/2017 13:29 -03 | Atualizado 08/05/2017 18:50 -03
Reprodução/Getty
Emma Watson e Millie Bobby Brown vencem 1º prêmio de atuação sem gênero

Nas premiações, é comum você torcer pelo seu nome preferido em categorias como "melhor atriz" e "melhor ator".

Emma Watson e Millie Bobby Brown, porém, fizeram história no último domingo (7), em Los Angeles, durante o MTV Movie and TV Awards.

Elas foram as primeiras atrizes a receberem prêmios sem a clássica divisão por gênero das premiações mainstream.

Com a mudança da MTV, mulheres e homens passam a disputar um único prêmio de "Melhor Atuação".

Conhecida por seu engajamento em pautas feministas e em defesa da igualdade de gênero, Watson levou o MTV Movie & TV Award por interpretar a personagem Bela, no filme A Bela e a Fera.

FilmMagic
Emma Watson.

Asia Kate Dillon, que interpreta o primeiro personagem não-binário em um programa de televisão tradicional (a série Billions), entregou o prêmio a Watson.

Dillon se identifica como não-binário também fora das câmeras e usa o pronome "eles" em suas frases. No mês passado, Dillon chamou a atenção ao desafiar o Emmys a premiar atores sem requisitos de gênero. A equipe da premiação respondeu que os atores eram livres para concorrem em qualquer categoria que eles preferissem se identificar.

WireImage
Emma Watson e Asia Kate Dillon

Em seu discurso, Emma Watson falou sobre o significado deste prêmio.

"A mudança da MTV ao criar um prêmio sem divisão de gênero por atuar significará algo diferente para todos, mas para mim isso indica que ser ator é sobre a capacidade de se colocar no lugar de alguém e não precisa ser separado em duas categorias diferentes. A empatia e a capacidade de usar sua imaginação não devem ter limites. Isso é muito significativo para mim tanto por ganhar o prêmio e quanto recebê-lo de você, Asia. Obrigado por me educar de forma inclusiva, paciente e amorosa. Muito obrigado."

Depois, Millie Bobby Brown recebeu o prêmio de melhor ator em uma série de TV por interpretar Eleven (a Onze), em Stranger Things, produção da Netflix.

Brown agradeceu aos criadores da série, Matt e Ross Duffer, por criar "uma mulher forte, personagem icônico que [ela tem] a honra de interpretar".

Em abril, a MTV anunciou que a sua premiação anual abandonaria categorias de atuação de gênero, uma medida que a empresa disse ser crucial.

"Temos que constantemente nos empurrar para não apenas responder à cultura, mas liderá-la", disse o presidente da MTV, Chris McCarthy, à CNN Money.

Kevin Mazur via Getty Images
Emma Watson e Millie Bobby Brown.

Outro prêmio que chamou a atenção foi o de Melhor Beijo. Quem levou foram os atores Jharrel Jerome e Ashton Sanders, que interpretaram Kevin e Chiron, no filme Moonlight.

Ao receberem a pipoca dourada, a dupla falou sobre o quão representativo foi um beijo gay ser o premiado.

"Eu acredito que é seguro dizer, que está tudo bem para nós, jovens atores, especialmente nós, minorias, pensar fora da caixa. Eu acho que está tudo bem pensar fora da caixa e fazer o que for necessário para contar uma história e para fazer uma mudança. Então esse prêmio é para isso. É para nós, artistas por aí que precisam dar um passo ousado e fazer o que for necessário para que as pessoas acordem", disse Jerome.

Sanders completou:

"Esse prêmio é maior que Jharrel e eu. Representa mais que um beijo. Esse prêmio é para aqueles que se sentem desajustados, nos representa, então, eu amo vocês todos e obrigado."

Corbis via Getty Images
Ashton Sanders e Jharrel Jerome.

LEIA MAIS:

- Emma Watson não vai deixar se abalar pela vitória de Donald Trump: 'Vou lutar ainda mais pelo que acredito'

- O 1º teaser da nova temporada de 'Stranger Things' vai deixar seu coração na mão

18 livros para entender mais sobre feminismo e direitos das mulheres