ENTRETENIMENTO

A história de terror contada pelo Os Simpsons sobre os 100 dias de Trump

Trump com cabelo de cachorro, Ivanka na Suprema Corte e vovô Abe sendo deportado. Seria este só o começo?

27/04/2017 10:35 -03 | Atualizado 27/04/2017 11:34 -03
YouTube
Na sátira, o cabelo de Trump, na verdade, é um cachorro. 

A série animada Os Simpsons resolveu fazer um balanço irônico dos primeiros de governo do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. O trecho da 28ª temporada foi publicado ontem (26) no YouTube em referência aos primeiros 100 dias de Trump na presidência, completados no próximo dia 29.

No trecho, Trump está em seu quarto na Casa Branca mal-assombrada, se gabando de "tantos" elogios, do quanto melhorou no golfe, do número de seguidores no Twitter e de "finalmente poder atirar em ursos na hibernação". Seu cabelo, na verdade, é um cachorro.

Ao ligar a TV, sua filha Ivanka é escolhida para a Suprema Corte e logo faz propaganda de sua marca de roupas.

Do outro lado da tela, Homer e Marge assistem o anúncio e ela toma a última pílula de um calmante que deveria durar por quatro anos. Homer tenta relaxá-la: "Marge, por favor! Dê ao presidente um pouco de tempo, ele só tem 70 anos."

O episódio também ironiza o combate de Trump à imigração. O vovô Abe pede ajuda ao ser deportado: "Me ajude! Eles estão me levando para onde eu vim", disse. "E para onde é?", pergunta Marge. "Eu não me lembro!", respondeu Abe.

O desenho americano "previu" a eleição de Donald Trump em 2000. Em entrevista a Variety neste ano, um dos autores da série, Mike Reiss disse que foi apenas uma piada:

Trump foi só um de nossos casos especiais: 16 anos atrás pensamos: 'qual a pior besteira que pode acontecer na América, e fazemos isso!'

LEIA MAIS:

- Por que o argumento de Trump sobre preocupação humanitária com a Síria não convence

- Encontraram uma alternativa para o muro de Trump capaz de gerar empregos

As 18 viagens mais legais já feitas pelos Simpsons