MUNDO

'É perturbador para todos': O pedido de desculpas da United Airlines por expulsar passageiro de vôo

A repercussão negativa das redes sociais das imagens fez com que Oscar Munhoz, CEO da companhia, se pronunciasse sobre a expulsão violenta do passageiro.

11/04/2017 15:28 -03 | Atualizado 11/04/2017 17:28 -03
Reprodução/Twitter
A repercussão negativa das redes sociais das imagens fez com que Oscar Munhoz, CEO da companhia, se pronunciasse sobre a expulsão violenta do passageiro.

Um vídeo que mostra um passageiro sendo arrastado para fora de um avião da United Airlines circulou nas redes sociais na última segunda-feira (10). Ele foi retirado à força da aeronave devido ao excesso de passageiros no voo, que ia de Chicago a Lousville, nos Estados Unidos.

A repercussão negativa das redes sociais das imagens fez com que Oscar Munhoz, CEO da companhia, se pronunciasse sobre o assunto.

Em nota publicada no Twitter da empresa, ele afirma que a United está 'apurando os detalhes do ocorrido' e 'que vão entrar em contato com o passageiro para resolver a situação'.

"Este é um acontecimento perturbador para todos nós aqui da United. Peço desculpas por ter que re-acomodar esses clientes. Nossa equipe está se movimentando com urgência para trabalhar em conjunto com as autoridades e em uma investigação própria detalhada do que aconteceu. Estamos também entrando em contato com este passageiro para conversar diretamente com ele e resolver esta situação."

Nas redes sociais, usuários compartilharam a cena indignados com o tratamento da companhia:

De acordo com relatos, a United precisou de assentos livres para transportar funcionários da companhia. Como não havia nenhuma vaga, eles sortearam quatro passageiros que deveriam deixar o avião.

O homem do vídeo foi um dos selecionados, mas, de acordo com os presentes, ele era um médico que precisava estar no hospital de Lousville pela manhã e se recusou a deixar a aeronave.

Ele resistiu, mas foi retirado com violência do voo, o que lhe rendeu alguns ferimentos. Depois, ele retornou para a aeronave, que finalmente decolou com duas horas de atraso.

LEIA MAIS:

- United Airlines não quer que mulheres usando legging embarquem em seus aviões
- Os dias e horários mais baratos para viajar de avião

As PIORES cenas em um avião