ENTRETENIMENTO

O gurizinho que conquistou o Brasil celebrando a cultura sertaneja no The Voice Kids

Thomas Machado é um dos finalistas do reality musical.

01/04/2017 02:01 -03 | Atualizado 01/04/2017 02:28 -03
Globo/Isabella Pinheiro
Gaúcho de 9 anos representa time de Ivete Sangalo na grande final.

O fofurômetro promete explodir na final do The Voice Kids, que ocorre na tarde deste domingo (2) na TV Globo. Um dos responsáveis por esse fenômeno será o o gauchinho Thomas Machado, de 9 anos.

Cantor e gaiteiro, o guri nascido em Estânica Velha - a cerca de 40 quilômetros de Porto Alegre - encantou o Brasil com sua simpatia e talento ao realizar números musicais de clássicos sertanejos.

Vale lembrar que, entre os sucessos apresentados pelo representante do time de Ivete Sangalo, estava Beijinho Doce, de Tonico e Tinoco.

Menino da Porteira, de Sérgio Reis.

E No Rancho Fundo, de Chitãozinho e Xororó.

Em entrevista ao jornal Zero Hora, Ivete relembrou a chegada de Thomas no reality e se derreteu em elogios:

"A primeira impressão que tive foi o talento vocal, muito afinado. Quando virei, deparei com a imagem daquela criança linda, cheia de roupinha e aquele instrumento que tenho verdadeira paixão. Ele é um músico, além de todos os talentos que tem. Toca e canta com muita facilidade. E é despretensioso. Essa condição de despretensão com a própria arte é algo que nem o próprio artista sabe que tem."

O pequeno Thomas é conhecido no Rio Grande do Sul por conta da dupla Irmãos Machado, que forma com o Eduardo, seu irmão de 16 anos. Desde pequenos, eles se apresentam em programas de rádio e televisão da região. A dupla tem, inclusive, um canal no YouTube que reúne várias dessas apresentações.

Ari, pai dos meninos, está confiante no sucesso do caçula. "Sempre estivemos confiantes de que ele poderia chegar à final e, quem sabe, ganhar. Mas sabíamos que o que viesse já estava bom", disse ao site Gshow.

Também feliz, a mãe de Thomas, Elisete Broch, não quer que o filho sinta pressão em excesso na final do programa. "Que ele suba no palco e faça um bom show. Só isso que peço a Deus", revela.

Sobre garantir uma vaga na final do programa, Thomas comentou:

"Eu estava tranquilo, fiquei muito feliz e muito emocionado com o resultado. Eu acreditava que podia disputar a Final porque eu entrei muito focado, preparado no palco. Estou ensaiando cerca de duas horas todos os dias. Para distrair a ansiedade, eu gosto de brincar de joguinhos no computador."

Será que essa fofura leva vai vencer a competição? Depois de quase três meses de programa e 72 candidatos, o talentoso Thomas vai enfrentar outros dois campeões de fofura: Juan Carlos Poca, de 14 anos e Valentina Francisco, de 12.

Que vença o melhor!

Livros para falar de emoções com crianças