NOTÍCIAS

Casal heterossexual britânico que queria união civil perde na Justiça

Charles Keidan e Rebecca Steinfeld não querem se casar.

23/02/2017 19:58 -03 | Atualizado 24/02/2017 12:04 -03
NICK ANSELL/PA WIRE

Rebecca Steinfeld e Charles Keidan, que formam um casal heterossexual, perderam sua batalha no Tribunal de Recursos britânico pelo direito de formar uma união civil.

Steinfeld, 35 anos, e Keidan, 40, disseram que queriam se juntar em uma união civil, e não em um casamento, porque a união civil "capta a essência de nosso relacionamento e nossos valores".

Eles perderam por dois votos contra um no Tribunal de Recursos, na terça-feira (21).

Na Inglaterra, a união civil é um direito exclusivo de casais homoafetivos. O casamento é a única opção para heterossexuais oficializarem uma relação.

Rebecca e Charles são acadêmicos e vivem em Hammersmith, na zona oeste de Londres. Eles argumentaram que a posição do governo britânico em relação à união civil é incompatível com a lei de igualdade.

Falando diante do tribunal depois de ouvir o veredicto, eles se disseram profundamente decepcionados com o resultado do julgamento.

Steinfeld disse que eles perderam a causa devido a um ponto técnico e que o governo vai ter que mudar sua posição futuramente.

Keidan disse que, se o governo não mudar de postura sobre essa questão, eles vão levar seu pedido até a Suprema Corte.

Segundo ele: "Abrir a possibilidade de formar uniões civis a todas as pessoas é justo, será aprovado pela população e será benéfico a famílias e crianças em todo o país."

Há mais de 3 milhões de casais heterossexuais que coabitam, com 2 milhões de filhos dependentes deles. O casal heterossexual não casado é o tipo de família que mais cresce, mas esses casais não têm segurança legal e financeira. (...) Nenhum de nós deveria ter negado seu direito ao reconhecimento e proteção, só porque não achamos que o casamento é a opção certa para nós.

Steinfeld e Keidan estão juntos há seis anos e têm uma filha de 20 meses.

O ativista de direitos humanos Peter Tatchell foi uma das pessoas que compareceu ao Tribunal de Recursos para manifestar apoio ao direito de casais heterossexuais formarem uniões civis.

25 imagens de casamentos que são muito mais que meras fotos bonitinhas