ENTRETENIMENTO

Emma Watson diz que hesitou em interpretar Bela por causa da 'Síndrome de Estocolmo'

Atriz só aceitou o papel após ter certeza que Bela não sofria da síndrome

18/02/2017 11:49 -02 | Atualizado 18/02/2017 12:36 -02
Disney
Filme A Bela e a Fera estreia dia 16 de março nos cinemas

Emma Watson confessou que hesitou em interpretar Bela no live-action A Bela e a Fera pela possibilidade de a famosa história de amor se enquadrar, na verdade, na Síndrome de Estocolmo, estado psicológico em que uma pessoa, submetida a um tempo de intimidação e cativeiro, passa a se apegar ao sequestrador.

Em entrevista à revista Entertainment Weekly, a atriz confessou que se preocupou em aceitar um papel sobre um romance que poderia ser também um relacionamento abusivo, mas ela acabou cedendo após estudar sobre a síndrome e ter certeza de que Bela não se enquadrava nela.

"Foi algo que eu realmente me preocupei desde o começo: a questão de uma possível Síndrome de Estocolmo nesta história", disse. "Mas, na verdade, Bela efetivamente discorda e bate de frente com a Fera constantemente. Ela não tem nenhuma característica de alguém que sofre desta síndrome porque ela continua independente, continua com suas convicções e livre pensamento", rebateu.

No desenho da Disney lançado em 1991, Bela aceita ser prisioneira de Fera para libertar o seu pai, que está doente. Watson argumenta que, além do ato altruísta, ela continua tentando escapar e apenas se apaixona pela Fera após ele demonstrar que havia mudado.

"Eu acredito que foi intencional quando Bela decide ficar", disse. "Eu acho que essa história de amor tem algo a mais: eles se tornaram amigos antes e, neste meio tempo, o amor começou a crescer. Eu realmente acho que essa é a mais significante entre todas as histórias de amor, nas quais a paixão veio antes de tudo."

Eles construíram a amizade e, bem devagar, se apaixonaram. Eles não se iludiram um com o outro. Eles já tinham visto o pior no outro, e também o melhor.

O Live-action estreia nos cinemas no próximo 16 de março. Alguém aí está ansioso?