ENTRETENIMENTO

Miss Universo: A derrota de Raíssa Santana e as críticas ao corpo da canadense Siera Bearchell

30/01/2017 11:56 -02 | Atualizado 31/01/2017 18:21 -02

Uma estudante de odontologia de Paris foi coroada Miss Universo neste domingo (29), tornando-se apenas a segunda francesa na história do concurso a conquistar o título e a primeira europeia a ser coroada em mais de uma década.

iris mittenaere

Iris Mittenaere derrotou 85 candidatas na final da 65ª edição do evento de três horas de duração, que foi realizado nas Filipinas e se concentrou na diversidade e no empoderamento feminino para superar as dificuldades da vida.

"Fiquei muito surpresa por ter vencido, sinto-me abençoada", disse a nova miss, de 24 anos, que em seu perfil descreveu seu objetivo de promover a higiene dental e oral se vencesse.

Coroada Miss Universo, Iris afirmou querer ir além disso e divulgar a educação para crianças e jovens mulheres.

"O Miss Universo era um sonho, toda menina quer ser Miss Universo... o palco é maravilhoso, tudo é maravilhoso", disse, radiante, durante a coletiva de imprensa após a vitória. "Quero ajudar as pessoas, quero entender as pessoas, quero conhecer as pessoas, é por isso que isto é um sonho para mim".

A haitiana Raquel Pelissier e a colombiana Andrea Tovar foram a primeira e segunda vice-colocadas.

Treze participantes foram selecionadas no desfile de traje de banho da final depois de uma competição preliminar ao longo da semana passada, e estas foram reduzidas a nove depois do segmento com vestido de noite.

A polêmica em torno da Miss Canadá

Apesar da vitória da francesa, quem movimentou os comentários nas redes sociais foi a canadense Siera Bearchell

Estudante de direito e empreendedora de 23 anos, ela conseguiu uma vaga entre as 13 finalistas apesar de ter ouvido comentários grosseiros de fãs por causa do peso e por ser maior do que as rivais.

"Essa competição é mais do que nossa aparência. Ela diz respeito a estar à vontade com quem somos", disse.


A transmissão do concurso feita no TV aberta pela Band teve comentários de Renata Fan, Cássio Reis e Raphael Mendonça. Os apresentadores, em diferentes ocasiões, fizeram críticas veladas ao corpo da jovem canadense.

Em um dos momentos mais constrangedores para o telespectador, Cássio Reis afirmou que Siera teria passado de fase para “agradar as cotas”.

A postura dos apresentadores foi fortemente reprovada nas redes sociais. Veja algumas reações no Twitter:

Brasileira pelo caminho

A estrela representante do Brasil, Raíssa Santana, foi eliminada cedo demais - na seleção do Top 9 no concurso.

raissa santana

Ela era uma das favoritas a finalista, mas acabou ficando entre as 13 primeiras. Essa derrota foi um duro golpe para os espectadores no Twitter.

Aos 21 anos, a estudante de marketing foi a primeira negra a representar o Brasil na competição em três décadas. Sua antecessora foi a gaúcha Deise Nunes, vencedora do título nacional em 1986.

LEIA MAIS:

- As pessoas estão pedindo que Michelle Obama se candidate a próxima presidente dos EUA

- A Fernanda Lima conseguiu colocar o feminismo em pauta no horário nobre da Rede Globo