ENTRETENIMENTO

Aqui estão os 3 discursos do SAG Awards que você deveria ter prestado mais atenção

30/01/2017 13:54 -02 | Atualizado 31/01/2017 18:21 -02

Estrelas Além do Tempo surpreendeu ao vencer o prêmio de melhor elenco no Sindicato de Atores dos Estados Unidos, o SAG Awards, neste domingo (29).

A cerimônia foi politizada e diversos s astros criticaram o presidente dos EUA, Donald Trump, por restringir a entrada de viajantes de sete nações de maioria muçulmana.

sag taraji

Estrelas Além do Tempo superou os favoritos Manchester À Beira-Mar e Moonlight ao ficar com a maior estatueta da noite.

Em um discurso emocionado, a atriz Taraji P. Henson destacou que o filme aborda uma história real: a participação fundamental de três cientistas negras na missão da Nasa que levou o primeiro astronauta americano a entrar em órbita da Terra, em 1962 - período de profunda cisão racial nos EUA.

Assista:

“Este filme é sobre união. Estamos aqui como atores orgulhosos, agradecendo a cada integrante desse sindicato incrível por votar em nós, por reconhecer nosso trabalho duro. Mas nos apoiamos nos ombros de mulheres que são três heroínas americanas: Katherine Johnson, Dorothy Vaughn, Mary Jackson. Sem elas, não saberíamos como chegar às estrelas. Essas mulheres não reclamavam sobre seus problemas, suas circunstâncias, os problemas. Todos nós sabemos o que estava acontecendo naquela época. Elas não reclamavam. Elas focavam em soluções. E assim, essas mulheres corajosas ajudaram a colocar o homem no espaço. Não podemos esquecer dos homens corajosos que também trabalharam com a gente. Que Deus dê descanso a sua alma em paz, John Glenn. Esta história é sobre o que acontece quando colocamos nossas diferenças de lado e nos unimos como raça humana. Nós vencemos, o amor vence, todas as vezes. Muito obrigada por valorizar o trabalho que fizemos. Muito obrigada por valorizar essas mulheres. Elas já não são figuras escondidas. Obrigada.”

Fences, filme baseado na premiada peça de August Wilson a respeito de norte-americanos negros da classe trabalhadora, ganhou dois dos principais prêmios de atuação.

Como La La Land – Cantando Estações ficou de fora da categoria principal de melhor elenco, a vitória firmou Estrelas Além do Tempo no caminho para o Oscar de melhor filme, a maior honraria da indústria cinematográfica.

Escolhidos por cerca de 120 mil atores dos EUA, os prêmios do SAG por vezes encaminham grandes vencedores da Academia do Oscar, já que os atores representam a maior fatia de eleitores do Oscar.

Um Denzel Washington surpreso conquistou o prêmio de melhor ator por Fences, derrotando os favoritos Casey Affleck, de Manchester À Beira-Mar, e Ryan Gosling, de La La Land.

A colega de elenco Viola Davis, que venceu como melhor atriz coadjuvante, agradeceu o falecido Wilson por homenagear "o homem mediano, que por acaso era um homem negro".

A premiação do Sindicato de Atores consagrou muitos atores negros em um ano no qual a diversidade em Hollywood está em pauta, e a política assumiu o centro do palco, já que muitos artistas fizeram discursos contundentes criticando direta ou indiretamente o veto de Trump a viajantes muçulmanos.

Nesse contexto, o ator David Habour foi ovacionado durante a cerimônia. Ele foi o responsável pelo discurso de agrdecimento pelo prêmio de melhor série dramática dado à Stranger Things.

sag stranger things

Na companhia de Gaten Matarazzo, Finn Wolfard, Caleb McLaughlin, Millie Bobby Brown, Noah Schapp e demais integrantes do elenco, o intérprete do xerife Jim Hopper fez uma entusiasmada defesa dos "fracos, desprotegidos e marginalizados".

Assista no player abaixo:

"E eu gostaria de dizer que, diante de tudo o que está acontecendo no mundo hoje, é difícil comemorar. Stranger Things já foi comemorado, mas para levar esse ofício a sério, esse prêmio é um apelo às armas de nossos colegas artistas e mulheres para irem mais a fundo e lutarem contra o medo, o egocentrismo, a exclusividade. Cultivar uma sociedade mais empática e compreensiva, revelando as verdades íntimas que servem como um lembrete contundente para as pessoas, que podemos nos sentir quebrados, com medo e cansados; eles não estão sozinhos. Estamos unidos e somos todos seres humanos, estamos juntos nessa viagem horrível, dolorosa, alegre, emocionante e misteriosa que é viver. Agora, enquanto agimos e continuamos a narrativa de Stranger Things, nós, os representantes de 1983, repelimos o valentões. Vamos abrigar os loucos e os exilados, aqueles que não têm esperanças. Nós vamos ignorar os mentirosos. Caçaremos os monstros e quando estivermos contra a hipocrisia e a violência casual de certos indivíduos e instituições, vamos, como o xerife Jim Hopper, dar um soco na cara das pessoas que procuram destruir os fracos e os desprotegidos e os marginalizados, e faremos tudo com a alma, coração e com alegria. Agradecemos por essa responsabilidade."

sag mahershala ali

Um dos discursos politizados mais fortes da noite de premiação foi de Mahershala Ali, eleito melhor ator coadjuvante por sua atuação em Moonlight.

Muçulmano há quase 20 anos, o astro deixou uma mensagem de esperança em um cenário de conflito entre diferentes.

"Nós ficamos presos nas minúcias, nos detalhes que nos tornam diferentes. Acho que existem duas maneiras de olhar para isso. Existe a oportunidade de ver a textura daquela pessoa, as características que a fazem única. E existem também a possibilidade de entrar em guerra por conta disso. Minha mãe é pastora. Eu sou muçulmano. Ela n]ao deu pulos de alegria quando eu contei que me converti, 17 anos atrás. Mas eu digo a vocês agora: nós deixamos isso de lado. E eu sou capaz de vê-la, e ela é capaz de me ver. Nós nos amamos, o amor cresceu.”

Confira a lista completa de vencedores:

Cinema

Melhor Ator

Casey Affleck, por Manchester à Beira-Mar

Andrew Garfield, por Até o Último Homem

Ryan Gosling, por La La Land

Viggo Mortensen, por Capitão Fantástico

Denzel Washington, por Fences

Melhor Atriz

Amy Adams, por A Chegada

Emily Blunt, por A Garota do Trem

Natalie Portman, por Jackie

Emma Stone, por La La Land

Meryl Streep, por Florence: Quem é Essa Mulher?

Melhor Ator Coadjuvante

Mahershala Ali, por Moonlight

Jeff Bridges, por A Qualquer Custo

Hugh Grant, por Florence: Quem é Essa Mulher?

Lucas Hedges, por Manchester à Beira-Mar

Dev Patel, por Lion

Melhor Atriz Coadjuvante

Viola Davis, por Fences

Naomie Harris, por Moonlight

Nicole Kidman, por Lion

Octavia Spencer, por Estrelas Além do Tempo

Michelle Williams, por Manchester à Beira-Mar

Melhor Elenco

Capitão Fantástico

Fences

Estrelas Além do Tempo

Manchester à Beira-Mar

Moonlight

Melhores Dublês em Cinema

Capitão América: Guerra Civil

Doutor Estranho

Até o Último Homem

Jason Bourne

Animais Noturnos

Televisão

Melhor Ator em Filme para TV ou Minissérie

Riz Ahmed, por The Night Of

Sterling K. Brown, por American Crime Story: The People vs. O.J. Simpson

Bryan Cranston, por All the Way

John Turturro, por The Night Of

Courtney B. Vance, American Crime Story: The People vs. O.J. Simpson

Melhor Atriz em Filme para TV ou Minissérie

Bryce Dallas Howard, por Black Mirror

Felicity Huffman, por American Crime

Audra McDonald, por Lady Day at Emerson’s Bar and Grill

Sarah Paulson, por American Crime Story: The People vs. O.J. Simpson

Kerry Washington, por Confirmation

Melhor Ator em Série Dramática

Sterling K. Brown, por This Is Us

Peter Dinklage, por Game of Thrones

John Lithgow, por The Crown

Rami Malek, por Mr. Robot

Kevin Spacey, por House of Cards

Melhor Atriz em Série Dramática

Millie Bobby Brown, por Stranger Things

Claire Foy, por The Crown

Thandie Newton, por Westworld

Winona Ryder, por Stranger Things”

Robin Wright, por House of Cards

Melhor Ator em Série Cômica

Anthony Anderson, por Black-ish

Tituss Burgess, por Unbreakable Kimmy Schmidt

Ty Burrell, por Modern Family

William H. Macy, por Shameless

Jeffery Tambor, por Transparent

Melhor Atriz em Série Cômica

Uzo Aduba, por Orange is the New Black

Jane Fonda, por Grace and Frankie

Ellie Kemper, por Unbreakable Kimmy Schmidt

Julia Louis Dreyfus, por Veep

Lily Tomlin, por Grace and Frankie

Melhor Elenco em Série Dramática

The Crown

Downton Abbey

Game of Thrones

Stranger Things

Westworld

Melhor Elenco em Série Cômica

The Big Bang Theory

Black-ish

Modern Family

Orange is the New Black

Veep

Melhores Dublês em TV

Game of Thrones

Marvel’s Daredevil

Marvel’s Luke Cage

The Walking Dead

Westworld

LEIA MAIS:

- Esta cena maravilhosa de 'La La Land', com Emma Stone e Ryan Gosling, merecia o Oscar

- Viola Davis faz história e é a primeira mulher negra a ser indicada três vezes ao Oscar