NOTÍCIAS

Os 11 tweets da sofrência pela espera da nota do Enem

18/01/2017 09:51 -02
Montagem / GERJ

As notas individuais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) serão divulgadas a partir das 11h30 desta quarta-feira (18), de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

A consulta é online e é preciso fazer login no site com informações já cadastradas.

Estarão disponíveis as notas das provas de ciências humanas, ciências da natureza, linguagens e matemática, além da redação, que em 2016 teve como tema a intolerância religiosa no Brasil.

A ansiedade pelo resultado do exame que define a distribuição de vagas em parte do ensino superior ficou evidente no Twitter.

E tem também algumas dicas para evitar a sofrência.

A pontuação do Enem é usada na disputa de vagas no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificado (Sisu).

Em seguida, o Ministério da Educação (MEC) abre o processo seletivo do Programa Universidade para Todos (Prouni), que oferece bolsas de estudo na rede privada. O desempenho na prova também serve para acessar o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

De 24 a 27 de janeiro, as inscrições do Sisu estarão abertas. Para o Prouni, o prazo será de 30 de janeiro a 02 de fevereiro. Já para o Fies, será de 6 a 9 de março.

Foram 8.630.06 inscritos na edição de 2016, sendo 6.111.339 presentes na 1ª aplicação e 265.412 na segunda, segundo o MEC.

A princípio, o resultado do Enem seria divulgado na quinta-feira (19), mas o governo resolveu antecipar o resultado porque serão anunciadas mudanças no exame nacional. O anúncio foi feito pelo ministro da Educação, Mendonça Filho.

ATUALIZAÇÃO

O site no Inep apresentou instabilidade com os acessos e foi alvo de ataques. O MEC informou, no início da tarde, que o problema estava sendo resolvido.

LEIA TAMBÉM

- R$ 2.298,80: Esse é o novo piso salarial dos professores de educação básica pública

- 'Situação está tão precária que não tem dinheiro para absolutamente nada', diz professor da UERJ

- Fotos mostram como é ser um aluno de 4ª série em diferentes partes do mundo