NOTÍCIAS
31/12/2016 15:06 -02

5 coisas para fazer com os R$ 225 milhões da mega da virada

Hindustan Times via Getty Images
AMRITSAR, INDIA - DECEMBER 31: Artist Harwinder Singh Gill displays his new artwork made with pictures of Indian currency notes on New Year's eve on December 31, 2016 in Amritsar, India. Dental hygienist by profession, Gill has made the artwork to wish everyone a prosperous new year. Gill says he has used replica's of currency notes because of the demonetisation issue which is hot topic for discussion nowadays in India, December 31, 2016. (Photo by Sameer Sehgal/Hindustan Times via Getty Images)

Em meio a tantos pedidos para 2016 acabar, tem gente pedindo também para ter o jogo sorteado na Mega da Virada. O resultado sai às 21h deste sábado (31) e o prêmio é de R$ 225 milhões para quem acertar as seis dezenas.

Desde 2009, ano do primeiro sorteio do jogo no último dia do ano, 28 brasileiros acertaram as seis dezenas. Até hoje não houve vencedor solitário na primeira faixa de premiação.

A premiação é distribuída por três faixas, para quem acerta seis, cinco e quatro números. Se ninguém acertar as seis dezenas, o prêmio é dividido com os que acertaram cinco números. Se não houver sortudos nesta categoria, o montante é rateado entre os que acertaram quatro números.

No primeiro ano, o prêmio de R$ 144,9 milhões foi dividido entre dois vencedores. Já em 2015, foram seis ganhadores dos R$ 247 milhões, ano com mais sortudos na faixa principal.

Para quem optou pela aposta mínima, de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa Econômica. As chances aumentam de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta.

Para jogar 15 números, o máximo possível, o valor da aposta é R$ 17.517,50. Neste caso, a chance de ganhar sobe para 1 em 10 mil.

Segundo cálculos da Caixa, o valor integral do prêmio rende R$ 1,4 milhão ao mês se aplicado na poupança. Também é suficiente para comprar 37 imóveis de R$ 6 milhões cada um.

Aqui vão outras possibilidades do que fazer com os R$ 225 milhões.

1. Viajar por um ano e bancar a volta ao mundo de 2.834 pessoas

De acordo com o site Projeto Vira Volta, do casal Carol Fernantes e Alexis Radoux, que largaram tudo para conhecer o mundo, uma pessoa gasta US$ 24.371,34, segundo cálculo feito em 2014.

Isso com a passagem de volta ao mundo, seguro de viagem, hospedagem em hotéis mais confortáveis, alimentação em restaurantes e transportes confortáveis.

O montante dá R$ 79.342,12. Com o dinheiro da Mega, daria para 2.835 pessoas viajarem por um ano.

2. Se hospedar em um hotel de luxo caro por três anos

A vitória na Mega também pode render 1.382 noites na suíte Royal Villa, no Grand Resort Lagonissi, em Atenas, na Grécia. São três anos, nove meses e cinco dias de puro luxo.

Com um chef particular, um mordomo e um pianista, a hospedagem conta com três quartos, duas piscinas, sauna e quarto de massagem.

3. Comprar mais de 100 carros conversíveis

Na lista dos 11 conversíveis mais caros do mundo da Forbes, publicada em julho deste ano, o campeão é o Lamborghini Aventador LP 750-4 SV Roadster 2016, no valor de US$ 530.075,00.

O valor corresponde a R$ 1,72 milhão. Um vencedor único da Mega conseguiria comprar 130 veículos de luxo. Apenas 500 exemplares haviam sido vendidos até o meio do ano.

O motor V12 com 750 cavalos de potência permite chegar a velocidade máxima de 319 km/h. O carro vai de 0 a 100 km/h em apenas três segundos.

4. Jantar 34 mil vezes no restaurante mais caro do mundo

Conhecido como restaurante mais caro do mundo, o Sublimotion, em Ibiza atende apenas 12 clientes de cada vez para preservar a exclusividade.

Os 20 pratos são desenvolvidos custam cerca de US$ 2 mil por pessoa em um ambiente em que até a umidade é ajustada de acordo com o cliente.

Com o dinheiro da Mega, é possível pagar 34.560 refeições no restaurante com cinco estrelas Michelin.

5. Ajudar mais de 5 mil refugiados

De acordo com os cálculos do governo alemão, um dos países que mais recebeu refugiados em 2016, os custos são de 13 mil euros anuais por pessoa. Isso inclui alimentação, residência, tratamento médico, curso de idioma e um valor recebido de 143 euros por mês.

Os R$ 225 milhões da mega sustentariam 5.052 refugiados em um ano. Atualmente há mais de 65 milhões de pessoas nesta situação, de acordo com dados da Organização das Nações Unidas (ONU).

Tem também gente com planos mais modestos.

LEIA TAMBÉM

- Com sanção de Temer, impostos para Netflix e Spotify viram lei

- Deu ruim! 25 ações de Marketing que saíram pela culatra em 2016

- Desempregada, psicóloga ajuda jovens a conseguir o 1º emprego