NOTÍCIAS

5 frases de Carrie Fisher, a princesa que nos ensinou a ser guerreiras

27/12/2016 19:11 -02 | Atualizado 27/12/2016 19:11 -02
Sunset Boulevard via Getty Images
American actress Carrie Fisher on the set of Star Wars: Episode IV - A New Hope written, directed and produced by Georges Lucas. (Photo by Sunset Boulevard/Corbis via Getty Images)

A atriz Carrie Fisher, que ficou famosa como a personagem princesa Leia da saga "Star Wars", morreu nesta terça-feira, disse sua filha por meio de um porta-voz da família.

A atriz, que estava na Inglaterra filmando a terceira temporada da série Catastrophe, sofreu um ataque cardíaco durante um voo na sexta-feira de Londres para Los Angeles. Carrie foi atendida pelos paramédicos e levada às pressas para o Centro Médico Ronald Reagan, da Universidade da Califórnia - Los Angeles (Ucla).

Carrie retomou o papel na volta da franquia Star Wars no ano passado pela Disney, com o filme O Despertar da Força, como a madura General Leia Organa, líder do movimento de resistência contra a maligna Primeira Ordem.

Eterna princesa Leia, Carrie também foi uma porta-voz do girl power, e em muitas oportunidades deu preciosas lições de igualdade, no mundo do cinema, ainda dominado pelo machismo.

Além do sucesso, a personagem também levantou a bandeira da igualdade de gênero na ficção, afastando o clichê de "donzela" e dos papéis mais passivos. Pelo contrário, a princesa Leia foi um peça fundamental contra o Império, se tornando uma figura importante para a franquia.

Confira algumas frases da atriz.

"Parem de discutir se eu envelheci bem ou não. Infelizmente isso fere todos os meus sentimentos. Meu corpo não envelheceu tão bem quanto eu. Dane-se. Juventude e beleza não são méritos. Eles são um alegre produto do tempo e do DNA."

Ao rebater críticas sobre sua aparência no últmo filme da saga lançado no ano passado.

"Não seja uma escrava como eu era. Lute pelo seu figurino. Continue lutando contra o traje de escrava."

Ao aconselhar Daisy Ridley sobre a misoginia e o peso de ser uma mulher no universo de Star Wars.

"Você não consegue encontrar nenhuma proximidade verdadeira em Hollywood, porque todos praticam a proximidade falsa muito bem."

Ao falar sobre a vida nas cercanias da Rodeo Drive, importante ícone da cidade de Los Angeles

"Viver com depressão maníaca requer uma quantidade imensa de coragem, e deve ser motivo de orgulho, não de vergonha."

Ao falar abertamente sobre o transtorno bipolar em seu livro Wishful Drinking.

"Eu digo para meus amigos mais jovens, que não importa como eu morra, quero que seja dito que eu me afoguei na luz da lua, estrangulada pelo meu próprio sutiã."

Em uma brincadeira sobre como gostaria que fosse o seu obituário após George Lucas orientá-la a não usar um sutiã debaixo de seu figurino em Star Wars.

LEIA MAIS:

- Carrie Fisher, a 'princesa rebelde' de Star Wars, morre aos 60 anos

- Carrie Fisher rebate críticas sobre aparência: 'Parem de discutir se eu envelheci bem ou não'

- Jimmy Fallon coloca personagens de 'Star Wars' para cantar 'Stayin' Alive', dos Bee Gees (VÍDEO)