NOTÍCIAS

Luto e revolta: Tati Quebra Barraco faz desabafo no Twitter sobre a morte do filho

13/12/2016 13:34 -02
Reprodução/Instagram

O luto de Tati Quebra Barraco segue misturado com revolta.

Na Madrugada do último domingo, ela teve o filho Yuri Lourenço, de 19 anos, morto a tiros durante uma operação policial na Cidade de Deus na zona oeste do Rio.

Após falar sobre o ocorrido por mais de uma vez nas redes sociais – e sofrer ataques por isso -, na manhã desta terça-feira, a funkeira usou seu perfil no Twitter para levantar questionamentos sobre o triste episódio.

"O meu filho estava queimado de pólvora nos peitos, o que tudo indica que foi à queima roupa. O tiro foi de perto, não teve como reagir", escreveu.

Na série de tuítes, a cantora também falou sobre uma foto do corpo do jovem que circulou pela internet. "Quem que tirou? A médica?", questionou.

Ela ainda rebateu a versão oficial da polícia sobre o caso, que aponta que Yuri e seu amigo Jean – que também foi morto na operação -, portavam grande quantidade de drogas e uma pistola. "É impressionante como uma pistola fez milagre. Uma pistola bateu de frente com seis fuzis", escreveu.

Ao longo do desabafo, Tati fez questão de lembrar também a morte de Jean, amigo de Yuri, além de falar sobre a cobertura da mídia sobre o caso. Ao final, em resposta a uma seguidora que disse que Deus haverá de confortar seu coração, a cantora respondeu que a justiça de "Deus não falha, mas a da terra também não falhará".

Veja, a seguir, todos os posts:

O caso

De acordo com UPP da comunidade, um grupo de policiais, que realizava um patrulhamento de rotina, foi surpreendido por criminosos armados na Rua Quintanilha. A UPP informou que houve confronto e dois suspeitos foram baleados.

Segundo depoimentos publicados pelo jornal O Globo, o rapaz chegou a ser socorrido e levado ao Hospital Lourenço Jorge, mas não resistiu aos ferimentos. Familiares do jovem acusam a polícia de ter "atirado para matar". A polícia, no entanto, descreve o incidente como um confronto entre homens responsáveis pelo patrulhamento da região e traficantes de drogas.

Segundo informações divulgadas pela Delegacia de Homicídios da Capital e apuradas pelo site Ego, foi instaurado um procedimento para apurar as mortes dos dois jovens.

O corpo de Yuri foi velado na tarde de segunda (12), no Cemitério do Pechincha, na zona oeste do Rio. Familiares e amigos estiveram na despedida do rapaz.

LEIA MAIS:

- MC Carol escreveu uma mensagem poderosa em solidariedade à Tati Quebra Barraco

- MC Carol e Karol Conka estão juntas e a favor da independência da mulher no single '100% Feminista'