MULHERES

Miss Bumbum rebate racismo: 'Cor do cabelo não tem a ver com aceitação'

12/11/2016 17:26 BRST | Atualizado 12/11/2016 17:26 BRST
Reprodução/Instagram

A baiana Erika Canella foi a primeira mulher negra a vencer o concurso Miss Bumbum. Ela foi a ganhadora da edição deste ano, que ocorreu na quarta-feira (9).

Logo que sua vitória foi confirmada, críticas e comentários racistas pipocaram na internet.

Leitores do site EGO questionaram como uma jovem negra pode pintar o cabelo de loiro e insinuaram que Erika é racista:

racismo

racismo

Com a hashtag #SemPreconceito, Erika postou no Instagram que "cabelo não tem nada a ver com aceitação". Ela comparou que há pessoas brancas de cabelos negros e isso não está relacionado a cor de pele:

Diversas divas negras pintam cabelo e conservam madeixas loiras como Beyoncé e Ludmilla.

Erika não vai deixar se abater pelas críticas e manterá a cor dos cachos:

LEIA MAIS:

- Autor de comentários racistas no Instagram de Ludmilla confessa crime e se apresenta à polícia

- 13 momentos espontâneos e hilários de Beyoncé