NOTÍCIAS

Procon-SP notifica empresas sobre cancelamento do show de Mariah Carey

31/10/2016 11:13 -02
Mario Anzuoni / Reuters
Recording artist Mariah Carey attends a panel for the television series "Mariah's World" during the TCA NBCUniversal Press Tour in Beverly Hills, California U.S., August 3, 2016. REUTERS/Mario Anzuoni

A Fundação Procon, órgão vinculado à Secretaria de Justiça e Defesa da Cidadania do estado de São Paulo, cobrou explicações às empresas responsáveis pela organização e venda de ingressos do show da cantora Mariah Carey, que foi cancelado na última semana.

O órgão já notificou as empresas Lens Events, Stage Events e Ingresso Rápido. Elas terão de informar os motivos pelos quais o show foi cancelado, além dos meios utilizados para a divulgação do cancelamento, as opções dadas aos consumidores para terem o reembolso e os canais disponíveis para atendimento.

"As notificações foram encaminhadas às empresas que terão direito à defesa", disse o Procon-SP, em nota. Se forem constatadas irregularidades ao fim do processo, as empresas poderão ser multadas. O órgão não informou o valor da multa.

No último dia 26, a assessoria do evento confirmou que a cantora Mariah Carey cancelou todos os shows que faria no Brasil em novembro deste ano. Ela tinha shows marcados em Curitiba, São Paulo e em Porto Alegre. Não foi divulgado o motivo do cancelamento.

No Twitter, a cantora disse que estava "devastada" e prometeu voltar à América Latina em 2017. "Meus fãs merecem muito mais do que o tratamento que recebem de alguns promotores”, acrescentou.

LEIA MAIS:

- 8 fãs que não querem acreditar que Mariah Carey não vem mais ao Brasil