NOTÍCIAS

Alexandre Kalil, do PHS, é eleito prefeito de Belo Horizonte e derrota grupo de Aécio

30/10/2016 19:18 -02 | Atualizado 30/10/2016 19:18 -02
Divulgação/Facebook

O candidato do PHS, Alexandre Kalil, foi eleito prefeito de Belo Horizonte neste domingo (30), derrotando o candidato do PSDB, João Leite, e portanto o grupo político do senador Aécio Neves.

Com 100% das urnas apuradas, Kalil teve 52,98% dos votos válidos contra 47,02% de Leite.

Conhecido como "goleiro de Deus", o tucano saiu na frente, sendo primeiro lugar do primeiro turno, com 33,4%. O ex-presidente do Atlético Mineiro conseguiu 26,6%.

Faltando dez dias para o segundo turno, Kalil apareceu pela primeira vez à frente de Leite.

O concorrente do PSDB tentou colar a imagem de petista em Kalil, porém o discurso do atleticano de ser descolado do universo político convenceu mais o eleitorado.

Essa nova derrota de Aécio no seu próprio domicílio eleitoral pode prejudicar sua pré-campanha presidencial para 2018. O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, é considerado hoje o nome mais forte do PSDB para concorrer a presidente nas próximas eleições — sobretudo após a vitória de João Doria, apoiado pelo tucano, em primeiro turno na prefeitura de São Paulo.

Com a vitória de Kalil, também ganha a Rede Sustentabilidade, de Marina Silva, que tem na chapa de Kalil o vice, deputado estadual Paulo Lamac.

Lamac foi filiado ao PT até o fim do ano passado e era ligado ao atual governador de Minas, o petista Fernando Pimentel.

LEIA MAIS:

- Kalil diz que eleição fez dele 'um cara diferente'. Leite diz que BH vive 'momento mais importante'

- 'Brasil será tomado por onda azul', diz Aécio Neves sobre PSDB