NOTÍCIAS

Donald Trump acusa Google de fazer campanha para Hillary Clinton

30/09/2016 17:17 BRT | Atualizado 30/09/2016 17:17 BRT
NOVO! DESTAQUE E COMPARTILHE
Destaque o texto para compartilhar no Facebook e no Twitter
Jonathan Ernst / Reuters
Republican presidential nominee Donald Trump holds a rally with supporters in Bedford, New Hampshire, U.S. September 29, 2016. REUTERS/Jonathan Ernst

Se o candidato republicano à presidência americana Donald Trump não ganhar as eleições, ele já sabe em quem por a culpa: no Google.

De acordo com o magnata americano, o algorítimo do site de buscas está suprimindo notícias negativas sobre sua rival, a democrata Hillary Clinton.

Segundo a CNN, o candidato não explicou se seria possível conseguir provas para embasar sua denúncia. A hipótese, no entanto, já foi levantada pela agência russa de notícias Sputnik.

O candidato republicano já foi criticado nos EUA por ser muito condescendente com o presidente russo, Vladimir Putin e por promover políticas externas que beneficiariam os interesses russos, caso fosse eleito. Vários dos seus principais conselheiros mantêm fortes laços com o país, inclusive com oficiais e oligarcas russos.

De acordo com a emissora americana, a equipe de campanha de Trump não respondeu de onde o candidato tirou sua reclamação.

A questão já havia pipocado em junho, quando o site SourceFed afirmou que o mecanismo de busca estava alterando as recomendações para beneficiar a campanha da democrata. Na época, a empresa negou as acusações.

LEIA MAIS:

- Alicia Machado: Quem é a Miss Universo que foi humilhada por Donald Trump

- 'Racista, sexista e sonegador': Hillary fala verdades sobre Trump em debate

- A performance de Trump no debate foi a pior de todos os tempos