NOTÍCIAS

Com viagem de Temer, Rodrigo Maia assume interinamente a Presidência

01/09/2016 12:21 BRT | Atualizado 01/09/2016 12:21 BRT
NOVO! DESTAQUE E COMPARTILHE
Destaque o texto para compartilhar no Facebook e no Twitter
Fabio Pozzebom / Agência Brasil

Com a posse de Michel Temer como presidente da República na quarta-feira (30) e a viagem no mesmo dia para reunião de cúpula do G20 na China, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, assumiu temporariamente o Palácio do Planalto.

No comando da Câmara desde 14 de julho, Maia recebeu pela manhã o presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão (PP-MA), parlamentares do DEM, e os líderes do PSDB na Câmara, Antonio Imbassahy (BA), e do PPS, Rubens Bueno (PR).

Pela tarde, se encontrará com o ex-ministro da Advocacia-Geral da União Luís Inácio Adams e irá à posse dos ministros Laurita Vaz e Humberto Martins na presidência e na vice-presidência do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Filho do ex-prefeito do Rio de Janeiro César Maia, Rodrigo teve 2,94% dos votos para eleição da prefeitura do Rio em 2012, quando Eduardo Paes (PMDB) foi eleito e Marcelo Freixo (PSOL) ficou em segundo lugar.

Já na Câmara, Maranhão, que foi presidente interino da Casa entre maio e julho deste ano, voltou ao comando. A gestão passada do deputado do PP foi marcada por polêmicas, como a anulação da votação na Câmara da admissibilidade do impeachment de Dilma Rousseff.

LEIA TAMBÉM

- Como os líderes na América reagiram ao impeachement de Dilma Rousseff?

- Dilma recorre ao STF contra impeachment e pede que Temer volte a ser interino

- Temer se oficializa no comando do País com missão de derrotar fantasma da crise econômica