NOTÍCIAS

Eduardo Paes e Pedro Paulo serão notificados após circulação de vídeo em que prefeito diz que mulher 'vai trepar muito'

29/08/2016 10:29 BRT | Atualizado 29/08/2016 10:29 BRT
YASUYOSHI CHIBA via Getty Images
Rio de Janeiro Mayor Eduardo Paes (2nd R) takes pictures with Rio's Municipal Executive Secretary Pedro Paulo Carvalho in front of the VLT (Light Rail Vehicle) Carioca during the running test in Rio de Janeiro, Brazil, on February 28, 2016. The first section of VLT will begin operations in April between the Novo Rio Bus Terminal and the Santos Dumont Airport. AFP PHOTO / YASUYOSHI CHIBA / AFP / YASUYOSHI CHIBA (Photo credit should read YASUYOSHI CHIBA/AFP/Getty Images)

O prefeito do Rio Eduardo Paes (PMDB-RJ) e o atual candidato à prefeitura da cidade, o deputado Pedro Paulo (PMDB-RJ) serão notificados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) após a divulgação e circulação de um vídeo onde o prefeito aparece zombando de uma mulher que acabara de receber um apartamento da prefeitura.

Nas imagens, Paes sugere que a mulher, identificada apenas como Rita, 'trepe muito' no imóvel. "Vai trepar muito nesse quartinho", diz Paes à mulher, enquanto entra no apartamento. Depois, ele ainda pergunta se ela é casada, e dispara: "Vai trazer muito namorado para cá. [...] Rita, faz muito sexo aqui". Candidato à prefeitura da cidade, o deputado Pedro Paulo também aparece no registro.

De acordo com o jornal O Globo o objetivo da notificação é que o local e a data em que as imagens foram feitas sejam esclarecidos. Os dois têm 48 horas, a partir da notificação, para responder aos questionamentos do TRE.

A grande questão não é, segundo o jornal fluminense, o comportamento dos políticos, mas sim o fato de que desde o dia 2 de junho as inaugurações públicas estão proibidas.

"Se a entrega do imóvel exibida no vídeo aconteceu a partir dessa data, Pedro Paulo, que aparece nas imagens, pode ter o registro da candidatura cassado e ficar inelegível por oito anos. Já Paes, além de ficar inelegível pelo mesmo período, pode pagar multa e responder por improbidade administrativa, por uso da máquina pública", explica O Globo.

No final de semana, após a divulgação do vídeo, a assessoria de Paes disse ao Jornal do Brasil não saber precisar a data exata do vídeo, e que o prefeito estava "apenas brincando".

Procurados pelo O Globo, nem Paes nem Pedro Paulo quiseram se pronunciar.

LEIA MAIS:

- Em entrega de apartamento, prefeito do Rio Eduardo Paes recomenda que moradora 'trepe muito'

- Vice de Pedro Paulo minimiza violência contra mulher e dita regras sobre feminismo