NOTÍCIAS

'Juiz! Juiz! Juiz!': Sem lutador do Brasil no ringue, torcida vibra com árbitro brasileiro (VÍDEO)

17/08/2016 13:22 BRT | Atualizado 17/08/2016 13:22 BRT
YURI CORTEZ via Getty Images
Azerbaijan's Kamran Shakhsuvarly reacts after winning the Men's Middle (75kg) Quarterfinal 2 match against Kazakhstan's Zhanibek Alimkhanuly at the Rio 2016 Olympic Games at the Riocentro - Pavilion 6 in Rio de Janeiro on August 15, 2016. / AFP / Yuri CORTEZ (Photo credit should read YURI CORTEZ/AFP/Getty Images)

Depois de cantar Mamonas Assassinas para incentivar um lutador chamado Mina, a torcida brasileira provou mais uma vez que é ouro na modalidade zoeira na Rio 2016.

Foi novamente em uma luta de boxe, dessa vez entre Kamran Shakhsuvarly, do Azerbaijão, e Zhanibek Alimkhanuly, do Cazaquistão, na segunda-feira (15). Como nesse combate não havia brasileiros, os torcedores resolveram vibrar, acredite, pelo juiz – o paraense Jones Kennedy.

Durante a luta no Pavilhão 6 do Riocentro, Kennedy foi ovacionado mais de uma vez, com a torcida em peso gritando “juiz! Juiz! Juiz!”.

No registro abaixo, da SporTV, é possível acompanhar a agitação da torcida a cada vez que o árbitro interfere na luta. Jones Kennedy é o primeiro juiz do país a mediar disputas em jogos olímpicos. Sua estreia ocorreu nos Jogos Olímpicos de Londres 2012.

Assista ao vídeo:

Para informação, Kamran Shakhsuvarly, do Azerbaijão, saiu vitorioso na pelas quartas de final da categoria peso médio (até 75kg), por dois rounds a um. Uma vitória que pareceu um detalhe comparado à presença de Jones Kennedy.

LEIA MAIS:

- Medalha de ouro na zoeira: Noiva 'invade' transmissão da BBC no Rio

- Foto do velocista jamaicano Usain Bolt sorrindo em plena prova rende ÓTIMOS memes na internet