NOTÍCIAS

Campeão olímpico, Ryan Lochte é assaltado a mão armada no Rio

14/08/2016 13:40 BRT | Atualizado 14/08/2016 13:40 BRT
Tom Pennington via Getty Images
OMAHA, NE - JULY 01: Ryan Lochte of the United States prepares to compete in a final heat for the Men's 200 Meter Individual Medley during Day Six of the 2016 U.S. Olympic Team Swimming Trials at CenturyLink Center on July 1, 2016 in Omaha, Nebraska. (Photo by Tom Pennington/Getty Images)

O nadador norte-americano Ryan Lotche foi assaltado no Rio de Janeiro. De acordo com o Washington Post, o atleta estava no taxi, saindo de uma festa na Casa de França, quando o veículo foi assaltado.

Ao jornal americano, o porta-voz do nadador Thiago Pereira, Flávio Perez, contou que os dois estavam na Casa de França comemorando o aniversário de um amigo em comum.

“Thiago e sua esposa foram embora mais cedo. Quando Thiago descobriu o que aconteceu, ele ligou para Ryan. Ryan está bem, e Thiago disse que, de acordo com Ryan, o assalto foi no táxi. O táxi foi assaltado.”

A delegação norte-americana nega o incidente. A mãe do nadador, entretanto, confirmou o assalto ao US Today. Segundo o jornalista da Fox News, Ben Way, Ileana Lochte considerou o caso “aterrorizante”. Segundo ela, o atleta ficou só abalado e os assaltantes levaram a carteira.

Ryan Lotche foi medalha de ouro no revezamento 4x200m livre. Além desta medalha, ele é dono de outras 11.

LEIA TAMBÉM:

- SHOW! Handebol feminino bate Montenegro e termina primeira fase líder do grupo A

- Comitê Olímpico ignora ordem e reprime protesto de iraniana por mulheres nos estádios

- #ElasNaRio2016: Marta desvenda Seleção feminina: ‘Cumplicidade'