NOTÍCIAS
06/08/2016 21:24 -03

Ícone mundial da cirurgia plástica, Ivo Pitanguy morre aos 93 anos

Christopher Pillitz via Getty Images
Brazilian plastic surgeon Dr Ivo Pitanguy, Angra dos Reis Bay, Rio de Janeiro, Brazil, November 2000. (Photo by Christopher Pillitz/Getty Images)

Um dos mais renomados cirurgiões plásticos do mundo, Ivo Pitanguy, morreu neste sábado, aos 93 anos de idade. Pitanguy estava em casa e sofreu uma parada cardíaca. Nos últimos meses, o médico sofreu uma série de de problemas de saúde, como infecção e problemas renais. Na última sexta-feira, dia 5, Ivo Pitanguy havia desfilado com a tocha Olímpica pelas ruas da Gávea, na zona sul do Rio de Janeiro. Pelas mãos do médico, passaram reis, rainhas, atrizes e atores famosos, além de dezenhas de chefes de estados.

O mineiro Ivo Pitanguy não era só artista com as mãos, que o tornaram famosos pelas cirurgias plásticas. Era também um escritor e membro da Academia Brasileira de Letras. Em 2014, ele escreveu o livro 'Viver Vale a Pena'. Em uma das passagens do livro, Pitanguy falou sobre a vida e a morte: “Tenho temor do sofrimento. Quando ela (morte) chega é uma escolha dela, não nossa”, disse. "Por isso acho muito importante festejar a vida e os momentos que ela te proporciona."

E ele soube aproveitar muito bem. Em 1999, por exemplo, cruzou a passarela do samba, no Rio de Janeiro, quando foi tema enredo da escola Caprichosos de Pilares “Eu vestia um terno branco e tentava me acertar nos passos do samba, segurando o guarda-corpo e cantando animado”, escreveu na sua biografia.

Pitanguy nasceu no dia 5 de julho de 1926 em Belo Horizonte, filho do cirurgião médico de Antonio de Campos Pitanguy e de Maria Stäel Jardim de Campos Pitanguy. Em 1955 se casou com Marilu Nascimento, com quem teve quatro filhos: Ivo, Gisela, Helcius e Bernardo.

ATUALIZAÇÃO: Ao contrário do publicado anteriormente, Ivo Pitanguy morreu aos 93 anos, e não aos 90 anos. A matéria foi atualizada às 11h20 de domingo (7)