NOTÍCIAS

Enfim: Globo exibe 1ª cena de sexo gay da televisão brasileira

12/07/2016 23:25 BRT | Atualizado 12/07/2016 23:25 BRT
NOVO! DESTAQUE E COMPARTILHE
Destaque o texto para compartilhar no Facebook e no Twitter

Se o beijo gay foi durante décadas um tabu na TV Globo, que dirá uma cena de sexo de um casal LGBT?

A audiência mais conservadora nunca quis assistir a uma demonstração de carinho de homossexuais na TV aberta. E encontrava eco em atores, autores de novelas e, claro, nos executivos manda-chuva da emissora, que chegaram a censurar aquele que seria o primeiro beijo gay na tevê, na novela América (2005).

Foram necessários quase dez anos até que a Globo se tornasse mais permeável à ideia e aceitasse o beijo de Félix (Mateus Solano) e Niko (Thiago Fragoso) no último capítulo de Amor à Vida (2014).

Ao contrário das projeções negativas e quadradas, o Brasil comemorou.

Nesta terça-feira (12), foi a vez de a Globo exibir a primeira relação sexual entre dois homens — em Liberdade, Liberdade.

Após um desabafo sobre amizade verdadeira, Tolentino (Ricardo Pereira) e André (Caio Blat) se arrancam beijos de desejo reprimido.

Eles tiram a roupa e se entregam à paixão que nutrem um pelo outro há tempos.

A troca de carícias e abraços marca a descoberta de corpos que ainda não se conheciam nus e livres.

Primeira cena de sexo gay na TV Globo


A encenação delicada ainda que bastante evidente do sexo gay movimentou a internet na noite de terça:

Antes tarde do que nunca.

Parabéns à TV Globo pela ~ousadia~!

Que o sexo gay se torne cada vez menos tabu na televisão brasileira.

LEIA MAIS:

- Ator de 'Star Trek' diz que Sulu é o primeiro personagem gay da franquia

- Policial pede namorado em casamento durante Parada LGBT de Londres