NOTÍCIAS

Papa paralelo? Bento 16 aparece com papa Francisco no Vaticano

28/06/2016 15:06 BRT | Atualizado 28/06/2016 15:06 BRT
ASSOCIATED PRESS
Pope Francis, left, and retired Pope Benedict XVI embrace during a ceremony to celebrate Benedict's 65th anniversary of his ordination as a priest, in the Clementine Hall of the Apostolic Palace, at the Vatican, Tuesday, June 28, 2016. The ceremony served in part to show continuity from Benedict to Francis amid continued nostalgia from some conservatives for Benedict’s tradition-minded papacy. (L'Osservatore Romano/Pool photo via AP)

O ex-papa Bento 16 fez uma de suas raras aparições públicas nesta terça-feira (28) e foi festejado por seu sucessor, o papa Francisco, dois dias depois de o atual pontífice negar relatos de que o ex-líder católico ainda exerce influência no Vaticano.

Bento 16, alemão de 89 anos de idade, não usou bengala durante parte de uma cerimônia no Vaticano que comemorou o 65º aniversário de sua ordenação como padre.

Mas Bento 16, que fazia seus primeiros comentários em público na presença do colega, pareceu ter dificuldade para pronunciar algumas palavras quando agradeceu Francisco e um pequeno grupo de cardeais em italiano.

Em 2013, Bento 16, citando motivos de saúde, se tornou o primeiro papa a renunciar em cerca de 600 anos, encerrando um papado de quase oito anos marcado por um escândalo de vazamento de documentos que alegavam corrupção e malversação no Vaticano.

No domingo, em conversa com repórteres a bordo do avião papal na volta de uma visita à Armênia, Francisco foi indagado sobre os rumores de que Bento 16 é uma espécie de papa paralelo.

"Só existe um papa", respondeu Francisco, que elogiou Bento 16 por "me proteger, zelar por mim com suas orações".

Francisco, que comparou a presença de Bento 16 no Vaticano a ter um "avô sábio" em casa, disse ter ouvido que, quando algumas autoridades da igreja procuraram Bento 16 para se queixar de que Francisco é liberal demais, o alemão "os mandou passear".