NOTÍCIAS

Até os cientistas políticos desistiram de entender o que está acontecendo no Brasil

09/05/2016 19:26 -03 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02
reprodução

Esta segunda-feira (09) ficará marcada como mais um dia agitado para a República. Os brasileiros amanheceram com a notícia de que o processo do impeachment da presidente Dilma Rousseff poderia voltar à estaca zero.

O presidente em exercício da Câmara dos Deputados, Waldir Maranhão, que assumiu o cargo após o afastamento de Eduardo Cunha, aceitou o pedido da AGU para anular a sessão do dia 17 de abril, em que foi votada a admissibilidade do processo de impeachment. Ele não discute as manobras fiscais, objeto do impedimento, mas a forma como o processo foi conduzido, ou seja, questões regimentais.

Porém, a decisão de Maranhão não durou muito tempo. À tarde, em votação no Senado, o presidente da Casa, Renan Calheiros, decidiu dar continuidade ao processo e classificou a decisão de Maranhão como uma "brincadeira com a democracia".

Brincadeiras à parte ou não, os brasileiros não estão sabendo lidar com as reviravoltas do cenário político. Como sempre, a internet deu um jeito de, com bom humor, tentar compreender os atos que vão definir os rumos do País:

LEIA MAIS:

- Para Cunha, decisão de Maranhão mostra interferência do governo

- URGENTE: Renan mantém impeachment de Dilma e descarta 'brincadeira com democracia'

- Presidente interino da Câmara anula processo de impeachment de Dilma Rousseff no Congresso