NOTÍCIAS

Tchau, suor! 14 gifs que ilustram o sentimento de quem não nasceu para passar calor

25/04/2016 18:05 -03 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02
reprodução

Neste 2016 tão conturbado, nada tem feito as pessoas perderem o sono quanto este calor que parece não ter fim.

Em abril, São Paulo bateu recorde com mais de 20 dias seguidos com temperaturas acima dos 30ºC. A situação foi taxada como "anômala" por especialistas ouvidos pelo G1.

Mas a capital paulista não é exceção. Grande parte do Brasil registrou altas temperaturas e pouca chuva nos últimos meses. Porto Alegre teve o seu dia mais quente da historia, por exemplo.

Durante esta semana, contudo, os ventos irão mudar - para a alegria de quem simplesmente detesta o calor.

Isso porque a mais esperada frente fria dos últimos tempos chegará na região Sul, Sudeste e Centro Oeste, principalmente, a partir desta quarta-feira (27), segundo informações do Clima Tempo.

O fato é que nunca estivemos tão ansiosos por uma mudança. Simplesmente não conseguimos mais conviver com estas e outras situações, e aqui estão 11 gifs que comprovam isso. Tchau, calor!

1. O suor é g-r-u-d-e-n-t-o

2. É difícil ser rei/rainha gótico/a (mas não desistimos)

gotico calor

3. Sede o tempo inteiro e a todo momento

4. Você até que gostaria, mas não pode trocar o escritório por uma piscina, por exemplo

5. O querido cafezinho pode ser uma tortura em dias quentes

6. Atividades ao ar livre se tornam insuportáveis

7. Ou até mesmo perigosas

8. Esqueça o ventilador. Ele é uma ilusão

9. Nenhuma roupa é confortável o suficiente para dias quentes

10. Terno e gravata é simplesmente inviável

11. E o maior alívio é poder ficar sem elas

12. Maquiagem, então... Desastroso

(Agnews)

13. Afinal, este é o único desejo que temos:

14.Todos nós merecemos uma pausa neste calor!

(Reprodução/Guðjón Birgisson)

LEIA MAIS:

- Conseguir que 196 países fechassem o acordo climático de Paris foi a ‘parte fácil'. Agora começa o trabalho de verdade

- Carros elétricos compartilhados: Como Fortaleza está tentando deixar nossa locomoção mais sustentável