NOTÍCIAS
22/04/2016 12:22 -03 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02

Tragédia da ciclovia é mais uma mancha na imagem do Rio para imprensa internacional

Agência Brasil

As mortes na ciclovia Tim Maia, no Rio, ganharam espaço na imprensa internacional. A rede BBC apresentou relatos de quem passava pelo local quando aconteceu a ruína e destacou a possibilidade de um novo desgaste à imagem do Rio de Janeiro.

Na mesma linha, o jornal britânico The Guardian observou que a tragédia reduz a credibilidade da cidade e pode levantar questionamentos sobre segurança.

O espanhol El País viu um duro golpe para o prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB). O norte-americano The New York Times viu mais um ato em "uma série" de problemas envolvendo a cidade que receberá os Jogos Olímpicos.

O prefeito Eduardo Paes (PMDB), que estava na Grécia para a cerimônia de passagem da tocha olímpica, anunciou sua volta ao Rio assim que soube da tragédia. "É imperdoável o que aconteceu, já determinei a apuração imediata dos fatos."

Paes manifestou sua solidariedade às famílias das vítimas e a "todos os cariocas". Entusiasta do projeto, Paes, ao inaugurar a via, em janeiro, disse que se tratava "da ciclovia mais bonita do mundo".

Parte da ciclovia desabou nesta quinta-feira (21), após ser atingida por fortes ondas do mar de São Conrado, na zona Sul do Rio. Pelo menos duas pessoas morreram, e equipes de resgate seguem buscando uma terceira vítima. De acordo com testemunhas, uma mulher passeava de bicicleta e teria caído no mar no instante do desabamento.