NOTÍCIAS

NBA pode remarcar Jogo das Estrelas em protesto à lei anti-LGBT

22/04/2016 19:08 -03 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02

Bruce Springsteen, Ringo Starr, Cirque du Soleil e agora também a NBA, a liga profissional de basquete dos Estados Unidos. Todos eles estão contra a lei que discrimina cidadãos LGBT na Carolina do Norte, sul dos Estados Unidos.

Adam Silver, da comissão da NBA, afirmou nesta quinta-feira que a NBA vai remarcar o final de semana festivo All-Star Game em caso de manutenção da lei que causa transtornou à população transgênera.

"Nós temos sido, eu imagino, totalmente cristalinos sobre a necessidade da mudança da lei para que nós tenhamos o ambiente que julgamos necessário para um evento de celebração da NBA", disse Silver.

all star game nba 2016

A lei contra a qual a NBA protesta é a House Bill 2, também conhecida como HB2 ou "lei do banheiro". Controversa, ela desprotege pessoas transgêneras do direito de escolher o banheiro público que querem usar e também impede qualquer portaria estadual de proteger os direitos dos LGBT. A HB2 foi aprovada pelo governador republicano Pat McCrory em março.

A Human Rights Campaign comemorou as declarações do comissário da liga americana:

LEIA MAIS:

- Ringo Starr cancela show na Carolina do Norte em oposição à lei que discrimina pessoas LGBT

- Bruce Springsteen cancela show na Carolina do Norte em oposição à lei anti-LGBT

- Cantor Bryan Adams cancela show no Mississippi em protesto contra lei anti-gays