NOTÍCIAS

Cantor, músico, produtor, multi-instrumentista... O mundo perde o talento de Prince

21/04/2016 14:19 -03 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02
AP Images for NPG Records 2012
Prince performs on-stage at the Allphones Arena on Friday, May 11, 2012 in Sydney, Australia. (Photo by AP Images for NPG Records 2012)

O músico Prince morreu nesta quinta-feira (21), aos 57 anos, em seu estúdio de gravação em Minnesota, de acordo com um porta-voz. As causas da morte estão sendo investigadas.

Ele foi encontrado morto no complexo Paisley Park. A informação foi dada pelo site TMZ e depois confirmada por um porta-voz para a Associated Press.

Autor de sucessos como "Kiss", "Purple Rain" e "When Doves Cry", Prince tinha acabado de se tratar de uma gripe e chegou a ser hospitalizado em Illinois, quando voltava de um show em Atlanta. Ele precisou fazer um pouso de emergência com sua aeronave por causa da indisposição.

O chefe de polícia de Carver County, Jason Kamerud, disse à Fox 9 que eles receberam um chamado médico às 9h43 da manhã de hoje.

Prince Rogers Nelson, como era seu nome de batismo, foi um dos maiores nomes do pop mundial. Ele estourou massivamente em 1984, com o hit "Purple Rain". O álbum chegou ao primeiro lugar das paradas da Billboard. Mas já em 1982 ele havia conquistado atenção mundial com o disco 1999.

Ele foi vencedor de sete Grammy, um Oscar e ainda desbancou Michael Jackson como autor do melhor álbum de pop/rock no American Music Awards, em 1985. Jackson concorria com Thriller.

Prince morou a vida toda em Minneapolis. O disco de estreia, em 1978, foi For You, e o álbum seguinte, Prince, de 1979, deslanchou a carreira dele, mostrando o quanto o músico conciliava o pop acessível com criatividade em músicas bastante cantaroláveis e dançantes.

Em 2015, Prince havia lançado os discos HITnRUN Phase One e HITnRUN Phase Two.

LEIA MAIS:

- Cantor britânico David Bowie morre aos 69 anos após luta contra o câncer