NOTÍCIAS

Automutilação: 11 coisas que as pessoas que se agridem querem que você saiba

19/04/2016 10:58 -03 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02
Three Images via Getty Images 2

A autoagressão, ou violência contra si mesmo, é um tema bem pouco discutido.

"Muitas pessoas que se agridem dessa forma não pedem ajuda. Você pode até estar ciente que têm alguns sérios problemas, mas não acha que precisa contar para alguém – então você não fala sobre isso", de acordo com o Royal College of Psychiatrists.

Muitas pessoas não sabem bem como falar ou apoiar um amigo ou familiar que se automutila, o que significa que ainda existem muitos equívocos sobre de que forma e por qual motivo as pessoas se machucam.

Para ajudar a remediar isso e conscientizar sobre a automutilação, pedimos a 11 pessoas que se autoflagelam para falar uma coisa que elas mais queriam que as pessoas no seu círculo de apoio e o público em geral soubessem:

  • "Fazemos isso para sobreviver, não para morrer" - Angela
    Three Images via Getty Images 2
  • "As pessoas acham que fazemos isso para chamar a atenção, mas não. Guardamos coisas para nós mesmos" – Christine
    WIN-Initiative/Neleman via Getty Images
  • "A autoflagelação é como um segredo, mas é somente ao falar sobre isso que nós podemos transformar em algo que é menos tabu e remover o estigma" – Sonia
    Peter Dazeley via Getty Images
  • "Pensamentos destrutivos e impulsos não discriminam por gênero e eu queria ter percebido isso uns 15 anos atrás" – Brendan
    Martin Barraud via Getty Images
  • "Para mim nunca foi algo destrutivo –afinal de contas, eu estava destruindo meu corpo de uma forma muito mais drástica com a minha desordem alimentar. Era o menos pior, dos dois males" - Cal
    ADDRicky via Getty Images
  • "É um mecanismo para encarar as coisas de forma rápida e a curto prazo e nunca é feito de forma planejada para causar sérios danos a mim mesma" – Claire
    Rubberball Productions - Mike Kemp via Getty Images
  • "Pode ser bem viciante. Então se alguém pedir para você parar, não é algo que você consiga fazer da noite para o dia" - Jonas
    Don Johnston via Getty Images
  • "Eu usava duas camisetas, uma antes e outras depois que eu me feria ou eu ficava quente demais. Eu não estou tentando jogar isso na cara de ninguém. Eu não estou tentando ser ousado... Eu me visto
    thenakedsnail via Getty Images
  • "Algumas pessoas não entendem o quanto isso pode controlar sua vida. Mesmo se você não estiver fazendo isso, os pensamentos ainda estão com você todos os dias" – Andy
    Saul Gravy via Getty Images
  • "Existem tantos motivos pelos quais alguém pode se autoflagelar. Meu relacionamento com isso e como eu me sinto sobre vai ser totalmente diferente do que dos outros" – Jess
    Bernhard Lang via Getty Images
  • "A melhor coisa que você pode fazer por quem sofre é ouvi-lo. Apenas deixe que eles falem sem tentar presumir nada, nem interromper, e descubra o que está acontecendo" - Anne
    Nisian Hughes via Getty Images

Alguns nomes foram alterados a pedido daqueles que falaram conosco, para proteger sua identidade.

(Tradução: Simone Palma)

Este artigo foi originalmente publicado pelo HuffPost UK e traduzido do inglês.

LEIA MAIS:

- Ansiedade, cyberbullying e pensamentos suicidas estão aumentando entre jovens alunos, indica relatório

- Alerta do Reino Unido: As pessoas estão tendo que cuidar da saúde mental por conta própria. E isso é perigoso

- Falar de saúde mental fica mais fácil com estas tirinhas bem-humoradas