MULHERES
15/04/2016 13:34 -03 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02

Mulher sofre gordofobia ao comprar um biquíni e manda recado: 'Mulheres gordas podem vestir o que quiserem'

Jessica Portelli estava tranquila na fila do provador de uma loja em Brighton, na Inglaterra, para experimentar um modelo de biquíni.

Quando foi surpreendida com o julgamento gordofóbico de outra mulher. A moça disse a Jéssica que ela era gorda demais para usar biquíni.

Em entrevista ao site inglês Metro, nesta quinta (14), Jéssica disse que respondeu ao insulto na mesma hora:

"Quando a mulher me disse aquilo eu simplesmente respondi que garotas como ela não deveriam dizer o que garotas como eu deveriam ou não usar. Eu só estava segurando o biquíni para dar uma olhada antes de provar e ela me ofendeu daquela forma. E ainda por cima estava rindo de mim."

Empoderada, a inglesa de 25 anos não se deixou abater. Foi até o provador, tirou uma foto com o biquíni e fez textão no Facebook mandando o recado de que mulheres gordas são lindas, sim! E podem vestir o que bem quiserem!


"Eu não costumo postar fotos minhas assim no Facebook. No entanto, o que aconteceu hoje devem ser compartilhado para trazer alguma consciência.

Uma menina na loja me disse hoje que "meninas como eu" não devem usar um biquíni! Bem, menina, deixa eu te dizer uma coisa: sou feliz comigo mesma e minha barriga grande com listras de tigre (risos). Mas você poderia ter dito isso a uma pessoa que enfim teve coragem que usar um biquíni e ter destruído a confiança dela com seu comentário estúpido. Você pode ser de qualquer tamanho e ser bonita! Confiança é o que faz com que você seja sexy e não apenas ser um tamanho 36!

Obrigado por me constranger pela minha gordura, graças a você que eu tenho um desconto impressionante em meu biquíni"

A publicação tem quase 2 mil compartilhamentos e Jéssica tem recebido muito apoio nas redes sociais.

Depois de toda essa situação desagradável, um dos funcionários da loja Matalan insistiu que ela ganhasse um desconto na peça de roupa, já que teve que lidar com todo aquele assédio moral no provador.

Bom, no final foram duas vitórias, né?

LEIA MAIS:

- Preconceito: Mulher denuncia gordofobia em loja da Farm, em São Paulo

- Fotos de nudez em preto e branco mandam recado sobre obesidade, feminismo e um f*da-se (NSFW)

- Vai mesmo, gordinha!