NOTÍCIAS
14/04/2016 17:05 -03 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02

Lamentável: China nega solicitação de casamento de casal homossexual

Reuters

Dois homens pioneiros na China viveram, nesta quarta-feira (13) uma amarga derrota na justiça. A luta, no entanto, está só começando.

Foi a primeira vez que um pedido deste tipo foi julgado no país, segundo o South China Morning Post.

De acordo com o Shangai Daily, a solicitação de casamento foi feita em 23 de junho do ano passado ao escritório de assuntos civis, que se negou a emitir o certificado de casamento dos dois. Eles então processaram o escritório, mas foram derrotados na corte.

O argumento para a negativa - tanto do escritório quanto do juiz - foi de que a lei chinesa define o casamento como sendo a união entre um homem e uma mulher.

Os noivos contaram à publicação que vão apelas em todas as instâncias, até que as possibilidades legais sejam esgotadas.

"Eu espero que possa prepara o caminho o quão longe seja possível, de forma que outras pessoas que querem fazer a mesma coisa possam ver como nós tentamos e quais possibilidades existem", contou Sun Wenlin, um dos requerentes do processo.

Sob o ponto de vista legal, a China não reconhece o casamento entre pessoas do mesmo sexo, e autoridades afirmam que não há perspectiva para a mudança da lei, mesmo diante do claro fortalecimento do movimento LGBT no país. Embora a homossexualidade não seja considerada ilegal no país, o movimento LGBT é alvo de perseguições, e é raro encontrar gays que vivam "abertamente".

A advogada dos noivos, Shi Fulong, lamentou a derrota à AFP, e disse que uma vitória poderia abrir um importante precedente.

"Nós perdemos, mas eu acho que é apenas uma questão de tempo até que companheiros do mesmo sexo possam se casar", contou ela.