NOTÍCIAS

Gaviões da Fiel faz novo protesto por 'CPI da merenda'. E a Polícia Militar vasculha sede da torcida

01/04/2016 17:47 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

A Gaviões da Fiel voltou a protestar contra o escândalo das merendas no Estado de S. Paulo. Mas a manifestação de ontem não aconteceu nas arquibancadas, como nas vezes anteriores, mas na frente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.

Você sabe: são faixas nas arquibancadas corintianas têm sido contra a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Federação Paulista de Futebol (FPF), Rede Globo, mas, principalmente, contra o deputado estadual Fernando Capez (PSDB), velho opositor das organizadas.

A Vice esteve com os corintianos ontem, aliás.

Gaviões da FIEL, protestando na Assembleia Legislativa de SP, neste momento. "Quem vai punir o ladrão de merenda?" #CPIDAMERENDA #PROTESTO #GAVIOESDAFIEL

Publicado por GRÊMIO GAVIÕES DA FIEL TORCIDA em Quinta, 31 de março de 2016


Os principais cânticos lá na Alesp foram estes:

"Eu não roubo merenda, eu não sou deputado. Trabalho todo dia, não roubo meu Estado"

"Uni, duni, tê. Criança na escola não tem o que comer. Alô, alô Capez pode pagar pra ver. Os Gaviões chegou pra derrubar você"

Hoje, pouco mais de 24 horas após o final dos protestos na Assembleia paulista, a Polícia Militar e a Polícia Civil estiveram na sede da torcida.

Segundo informações da repórter Maria Carolina Trevisan, do Jornalistas Livres, os policiais entraram na quadra da Gaviões com as viaturas e vasculharam o local.

Em nota, a polícia afirmou que cumpriu mandado de busca e apreensão de materiais utilizados pelos agressores dos integrantes da Gaviões.

Também nesta sexta-feira, a polícia prendeu Deivison Correia, suspeito de agredir o presidente da Gaviões, Rodrigo Fonseca. Deivison seria integrante na torcida palmeirense Mancha Alvi Verde.

LEIA TAMBÉM:

- Polícia prende ex-presidente da Assembleia de SP e mais 6 por fraude na merenda

- Moro é 'ídolo' para torcida do Atlético-PR. Em SP, alvo corintiano é a Globo

- Internacional terá ingressos mais baratos para alunos de escolas públicas