NOTÍCIAS
19/03/2016 20:46 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

Lula atinge seu pior índice de rejeição no Datafolha: 57% dos eleitores

Juca Varella/ Agência Brasil

Pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (19) mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva atingiu o pior índice de rejeição de um pré-candidato à Presidência da República.

A proporção de eleitores que não votariam nele de jeito nenhum subiu para 57%.

A maior rejeição a ele havia sido medida em 1994, ano em que ele foi derrotado pelo tucano Fernando Henrique Cardoso: 40%, de acordo com o Datafolha.

A pesquisa mostra que Lula é rejeitado por quase metade dos mais pobres — 49%. À medida que cresce a renda, avança também a rejeição. Alcança 74% no grupo de pessoas que ganham dez ou mais salários mínimos por mês.

O Datafolha ouviu 2.794 eleitores em 171 municípios brasileiros nos dias 17 e 18 de março.

Impeachment de Dilma

A mais recente pesquisa também indica um crescimento expressivo no número de brasileiros favoráveis ao afastamento da presidente Dilma Rousseff. A percentual saltou de 60%, em fevereiro, para 68% neste mês.

A quantidade de eleitores contra o impeachment caiu de 33% para 27%.

No total, 69% consideram o segundo mandato de Dilma ruim ou péssimo.

A margem de erro da pesquisa é de dois pontos para mais ou para menos.

Também no HuffPost Brasil:

LEIA MAIS:

- Marina Silva é favorita para eleições presidenciais de 2018, aponta Datafolha

- Três em cada cinco deputados defendem o #ForaCunha, seja por cassação ou renúncia (PESQUISA)