NOTÍCIAS
28/02/2016 19:07 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:34 -02

26 sensações que você deveria ter em algum ponto da sua vida

iStock

Com um aniversário se aproximando, tenho pensado em sensações. Tenho muitas.

Se tem uma coisa que aprendi nesse meu curto tempo na Terra é a importância de estar em contato consigo mesmo em nível emocional. Cada interação e experiência gera uma sensação (ou várias), e é importante ter consciência disso.

O que nos torna humanos são as emoções que vivemos regularmente. Mas isso não é uma coisa necessariamente ruim – na verdade, é o que dá valor à vida.

Veja abaixo 26 (talvez você adivinhe quantos anos vou fazer...) sensações que você deveria ter em algum ponto da sua vida:

1. A sensação de viajar para um lugar novo.

Poucas coisas são mais emocionantes que explorar territórios desconhecidos, seja em outro país ou na sua própria cidade. A ciência confirma: pesquisas mostram que as pessoas são mais felizes quando gastam dinheiro com experiências do que com bens materiais.

2. A sensação de rir até a barriga doer.

É o melhor tipo de barato. O riso é realmente o melhor remédio. Estudos sugerem que ele pode melhorar seu sistema imunológico, reduzir a pressão arterial e, sim, aumentar seus níveis de felicidade.

3. A sensação ao ouvir “eu te amo”.

Não importa se quem disse foi seu par, seus pais ou seu melhor amigo: o amor é uma experiência que une biologicamente mente e corpo. É a sensação realmente universal.

4. A sensação de fazer uma gentileza aleatória.

Colocar um sorriso no rosto de alguém pode ter impacto sobre o seu nível de felicidade. Sem falar que você também está fazendo o mundo um lugar melhor.

5. A sensação de receber uma gentileza.

Mantenha o ciclo.

6. A sensação de falar o que realmente pensa.

Pesquisa sugerem que pensar demais pode não só gerar mais estresse mas também atrapalhar a execução de tarefas simples. Você tem todo o direito de expressar seus pensamentos e opiniões. Afirme-os claramente e com convicção.

7. A sensação quando alguém te entende.

Você sabe do que estou falando: o Harry Potter para o seu Ron Weasley. A Nutella para o seu, bem, tudo.

Poucas sensações são melhores que saber que você encontrou sua pessoa.

O resultado é que você se torna uma pessoa muito melhor: um estudo de 2011 mostrou que estar junto do seu melhor amigo ajuda a reduzir o estresse.

8. A sensação de se apreciar a si mesmo.

Pesquisas mostram que a autoaceitação é a chave para uma vida mais feliz, mas o hábito que as pessoas menos cultivam.

Repita: cuidar de si mesmo não é egoísmo.

9. A sensação de um coração partido.

É impossível passar a vida inteira tendo apenas sensações agradáveis. Ela também é feita de fases difíceis, incluindo a dor do coração. Mas são nestes momentos que mais aprendemos sobre nós mesmos.

10. A sensação de relaxamento total.

A estafa é real, e a melhor maneira de combatê-la é separar um tempo para apenas ser.

Relaxar não é bom somente para a sua saúde física e mental, é simplesmente uma delícia.

11. A sensação de ganhar uma festa surpresa.

O que é melhor do que pessoas queridas reunidas para te fazer se sentir especial? (Resposta: nada).

12. A sensação de agarrar um bicho fofo.

Como Charles Schulz disse certa vez: “Felicidade é um cachorrinho quente”.

Animais de estimação fazem de você uma pessoa mais feliz e mais saudável. Se você quer saber o que é amor incondicional, passe um tempo com um cão. Você vai entender do que estou falando.

13. A sensação de acordar depois de uma ótima noite de sono.

Dormir é para os fortes. Acordar descansado te ajuda a enfrentar o dia com entusiasmo (sem falar que faz bem para a saúde. Ninguém acorda exausto dizendo: “Me sinto espetacular!”

14. A sensação de curtir intensamente o momento.

Aquele show incrível. Uma conversa com um amigo. Brincar com seus filhos no playground. Permitir-se viver no aqui e agora. Estar presente tem muito poder.

15. A sensação depois de dizer adeus.

Sem enrolação: é horrível dizer adeus. Mas é parte da vida. Você não tem como viver evitando as emoções dolorosas, difíceis ou desafiadoras. Porque, por mais duras que sejam, elas precipitam mudanças.

16. A sensação de transformar um lugar novo em um lar.

Pesquisadores há muito estudam a saudade de casa. Segundo eles, trata-se de uma forma de ansiedade. Como relata a CNN, o fenômeno se explica “pela nossa necessidade instintiva de amor, proteção e segurança – sensações normalmente associadas ao lar”.

Portanto, quando você de adaptar a um novo ambiente, aquela ânsia pelo que é família se dissipa porque sua nova casa é o que é familiar – e isso é uma forma excepcional de crescimento.

17. A sensação de fracasso.

A vida não é escrita a lápis. Você não vive se cometer erros que não podem ser corrigidos. O que importa é como você muda depois deles. Isso constrói o caráter e te ajuda a ter sucesso.

18. A sensação depois de uma sessão de exercícios.

Não tente brigar com a ciência: as endorfinas são reais. Você fica mais feliz depois de se exercitar.

19. A sensação da raiva.

Conter a raiva não é necessariamente bom para seu bem-estar.

Às vezes é um alerta. Isso não significa que você tenha de dar porrada em quem te contrariou, mas talvez seja um sinal para reavaliar as circunstâncias (e a pessoa) que te fizeram sentir-se assim.

20. A sensação de fazer uma nova amizade.

Essa ligação não está só na sua cabeça. Estudos mostram que conexões sociais ativam o centro de recompensas do cérebro.

21. A sensação do sucesso.

Não importa se ele é grande ou pequeno, você merece se sentir realizado. Um truque para atingir seus objetivos: coloque-os no papel. Pesquisas mostram que isso te ajuda a manter-se no caminho certo.

22. A sensação de aceitação.

Ser aceito é uma sensação muito importante. Isso não vale só para os outros, mas também para você (veja o item sobre a auto aceitação). Você é o seu maior fã.

23. A sensação de conseguir o emprego dos sonhos.

Os funcionários ficam mais felizes quando se envolvem com o trabalho. Você passa muitas horas por dia trabalhando e merece sentir-se satisfeito com seu emprego.

24. A sensação de validação.

Não deixe que os outros confirmem que você realmente é. Suas opiniões são válidas. Seu trabalho é válido. E, sim, seus sentimentos são válidos.

25. A sensação de estar sozinho.

Não confunda com solidão. Ficar sozinho faz bem. Passar um tempo na própria companhia é saudável para seu bem-estar mental. Você é incrível. Por que não ficar um tempo consigo mesmo?

26. A sensação da felicidade plena.

Porque, acima de tudo, você merece sentir felicidade.

Este artigo foi originalmente publicado pelo HuffPost US e traduzido do inglês.

LEIA MAIS:

- Como se diferenciar dos 'diferentões'

- O cinema e a literatura podem dar aquela valorizada nas nossas vidas comuns

- Estudo mostra que saúde e bem-estar dependem de relações íntimas e de qualidade

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: