ENTRETENIMENTO

Em passagem pelo Brasil, Tim Burton parece não estar nada feliz com a falta de negros no Oscar: 'Odeio o prêmio!'

10/02/2016 11:59 -02 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02

burton praia

A passagem de Tim Burton pelo Brasil está rendendo.

Você já viu que ele esteve na Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro, na noite desta segunda-feira. Mascarado e tudo.

E agora é a vez do cineasta, que tem uma incrível — e macabra — exposição no Museu da Imagem e do Som), em São Paulo, falar sobre o Oscar.

Ou melhor: sobre a falta de diversidade no Oscar. Perguntado pela Folha de S. Paulo sobre o que achava da ausência de atores, atrizes e diretores negros na premiação, Burton disse: "O Oscar não é um prêmio que engloba a todos. Isso tudo... não é grande coisa".

Depois, meio hesitante. fala: "Eu odeio o prêmio!".

Mas uma coisa ela gostou no Oscar: o filme brasileiro O Menino e o Mundo, que concorre como Melhor Animação: "Eu votaria nele".

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS:


LEIA TAMBÉM:

- Um dos favoritos, Stallone pensou em boicote ao Oscar por falta de negros

- 'Todos estão recebendo oportunidades justas?', questiona Obama sobre polêmica racial no Oscar

- Antes tarde do que nunca: Academia do Oscar vai DOBRAR número de mulheres e minorias até 2020