ENTRETENIMENTO

'Erro de elenco' de 'malucos' levou Wagner Moura a viver Pablo Escobar em 'Narcos', diz ator na TV americana (VÍDEO)

09/01/2016 12:28 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:53 -02

O ator brasileiro Wagner Moura contou ao comediante americano Jimmy Fallon, no programa Tonight Show (Rede NBC), como foi o momento em que acabou convidado a viver o narcotraficante colombiano Pablo Escobar na série Narcos (Netflix). A entrevista, que foi ao ar na noite desta sexta-feira (8) (horário dos EUA, madrugada de sábado no Brasil), foi bastante descontraída.

“Foi um grande caso de ‘miscasting’ (erro de elenco). Eu era super magro, com 40 pounds (18 quilos) a menos, e não falava uma palavra em espanhol”, revelou Moura, dizendo que a ideia inicial era que a série fosse toda gravada em inglês. A mudança acabou colocando o ator brasileiro em uma situação curiosa.

“Eu me matriculei num curso de espanhol para estrangeiros numa universidade e tinha aulas ao lado de adolescentes japonesas”, disse Moura, que concorre neste domingo ao prêmio de Melhor Ator Dramático no Globo de Ouro, o ‘Oscar’ da TV americana. Narcos também concorre como melhor série dramática.

Do outro lado da mesa, Fallon foi só elogios ao ator brasileiro, dizendo que “deveria estar mais familiarizado” ao trabalho dele, mas “não tem canais brasileiros em casa”. As brincadeiras não pararam aí. O comediante opinou que não se pode escolher qualquer pessoa para interpretar alguém como Pablo Escobar. “Você tem que parecer o cara. Você não pode agir tipo ‘Oi, sou Pablo Escobar. Tudo bem? Você tem cocaína?’”, comentou, arrancando risos da plateia.

Em outros trechos da conversa, Moura disse que mora no Rio de Janeiro e perguntou a Fallon se ele já tinha visitado à capital fluminense, no que o comediante respondeu que não. O entusiasmo de algumas pessoas na plateia fez o apresentador brincar mais uma vez. “A gente permite dois brasileiros por noite no programa. É uma regra da NBC. Desculpa ai. Estamos preparando para as Olimpíadas”, explicou de maneira irônica, em menção ao fato da rede ser a dona dos direitos exclusivos dos Jogos Olímpicos nos EUA.

Ainda sobre a sua passagem pelos Estados Unidos, o ator brasileiro contou sobre as suas experiências com os jogos em Las Vegas (“não entendi as regras, perdi US$ 60”) e comentou a ideia que teve em pedir a mulher, com quem vive há 15 anos e tem três filhos, em casamento na ‘Cidade do Pecado’.

“Achei que seria cool, fazer essa coisa Elvis Presley”, disse Moura. Fallon disse achar que aquilo era “uma má ideia”, o que foi confirmado por Moura. “Ela disse não! Disse que era uma coisa ridícula. O que você está pensando?”, emendou, arrancando mais risos da plateia.

Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a entrevista de Moura ao programa de Fallon vai ao ar no Brasil na madrugada do dia 16 de janeiro, à 1h, no canal a cabo GNT.

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS:


LEIA TAMBÉM

- Imagina se o Wagner Moura ganha o Globo de Ouro?

- Para filho de Pablo Escobar, 'Narcos' insulta Colômbia e vítimas do tráfico

- 'Há coisas bem mais importantes que o sotaque', diz Wagner Moura a jornal

- ASSISTA: Wagner Moura diz que 'aprendeu tudo sobre tráfico de drogas'