NOTÍCIAS
07/01/2016 11:31 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

Polícia mata homem armado com faca que tentou invadir delegacia de Paris

LIONEL BONAVENTURE via Getty Images
French police patrol near the Rue de la Goutte d'Or in the north of Paris on January 7, 2016, after police shot a man dead as he was trying to enter a police station. French police shot dead a suspected suicide bomber as he attacked the police station, a year to the day since jihadist gunmen killed 12 people at Charlie Hebdo newspaper. The man reportedly shouted 'Allahu Akbar' (God is Greatest) and was carrying a knife and what turned out to be a 'fake' suicide vest. AFP PHOTO / LIONEL BONAVENTURE / AFP / LIONEL BONAVENTURE (Photo credit should read LIONEL BONAVENTURE/AFP/Getty Images)

A polícia de Paris matou um homem armado com uma faca que tentou entrar em uma delegacia de polícia na capital francesa nesta quinta-feira.

Segundo um porta-voz do Ministério do Interior francês, o homem gritou "Allahu Akbar" (Deus é Grande, em árabe) e poderia estar usando um cinturão com explosivos, de acordo com a emissora BFMTV. Segundo informações da CNN, os dispositivos eram falsos.

O incidente aconteceu exatamente um ano após o ataque de janeiro de 2015 de militantes islâmicos contra o semanário satírico francês Charlie Hebdo e um mercado judaico na capital francesa.

No momento a presença policial foi reforçada em toda a cidade, especialmente nas escolas, segundo autoridades. Centenas de pessoas também foram removidas da região onde ocorreu o ataque. A morte, segundo o ministro do Interior do país, está sendo tratado como um "potencial incidente terrorista".

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: