LGBT
29/12/2015 17:37 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

Livro revela indícios de que 1° premiê da China comunista era gay



Um livro que será publicado em Hong Kong em 2016 relata que Zhou Enlai, respeitado primeiro premiê da China comunista, era provavelmente homossexual, apesar de seu longo casamento, e foi apaixonado por um colega de classe.

O livro apresenta argumentos que certamente vão criar controvérsias na China, onde o Partido Comunista gosta de manter seus grandes líderes como moralmente intocáveis e onde a homossexualidade é malvista, embora não seja mais repreendida oficialmente.

zhou enlai

A autora sediada em Hong Kong, Tsoi Wing-mui, é uma ex-editora de uma revista política liberal no país, onde escreveu artigos sobre questões homossexuais antes, mas este é seu primeiro livro.

Ela releu cartas já publicamente disponíveis e diários que Zhou e sua esposa, Deng Yiangchao, escreveram, incluindo os que detalhavam os sentimentos de Zhou por um colega de escola e o afastamento emocional de sua esposa, para concluir que Zhou provavelmente era gay.

zhou enlai

Zhou foi premiê da revolução em outubro de 1949, que levou o Partido Comunista ao poder, até morrer de câncer em 1976.

Tsoi releu livros publicados pelo partido em 1998 para marcar o 100º aniversário do nascimento de Zhou que continham ensaios e discursos públicos de Zhou, assim como seu diário, cartas, poemas, romances e teses de 1912 a 1924.

"Zhou Enlai era um político gay que teve o infortúnio de nascer 100 anos antes", escreveu a autora em seu livro.

A autora disse à Reuters que o real significado dos diários tinha sido escondido à vista de todos, mas há estudiosos chineses que tinham feito abertamente a conexão antes que este assunto viesse à tona.

"Quando os autores chineses da parte continental entraram em contato com esse material, eles não consideraram a possibilidade dele ser homossexual", disse ela.

Não é ilegal ser gay na China e nos dias de hoje grandes cidades chinesas têm cenas gays prósperas, embora ainda haja muita pressão da família para se casar e ter filhos, mesmo para homens e mulheres gays.

Há uma série de celebridades abertamente gays na China, mas é raro ouvir um político falar abertamente sobre sua sexualidade.

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: