NOTÍCIAS
09/12/2015 17:25 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:40 -02

Para barrar proibição em Belo Horizonte, Uber faz campanha para usuários pressionarem vereadores

Martin Ollman via Getty Images
CANBERRA, AUSTRALIA - OCTOBER 30: A person uses the UberX app on October 30, 2015 in Canberra, Australia. The Australian Capital Territory is the first jurisdiction in the world to legalise UberX, allowing people to access and offer ridesharing services without fear of fines or license suspensions. (Photo by Martin Ollman/Getty Images)

Esta semana deve ser votado na Câmara Municipal de Belo Horizonte o projeto que permite que a Uber seja conduzida apenas por taxistas. Pensando em barrar esse tipo de regulamentação, a empresa lançou uma campanha incentivando os usuários do aplicativo a enviarem e-mails aos vereadores da cidade.

"Mostre para os vereadores que você quer ter seu direito de escolha preservado. Envie um email para os vereadores, lembrando que eles não podem ceder à pressão de uma única categoria e ignorar completamente os interesses da população", explica o comunicado enviado por e-mail.

No próprio comunicado, o usuário pode acionar uma ferramenta que prepara um novo e-mail automático feito pela Uber e que automaticamente copia o e-mail de todos os vereadores da cidade, pedindo para que o aplicativo seja acessível a todos.

Veja a mensagem completa:

fica

A hashtag #FicaUber também está sendo usada pelos mineiros nas redes sociais.






Uber no Brasil

Em São Paulo, o prefeito Fernando Haddad disse que irá analisar novas formas de encaixar a Uber no sistema de mobilidade urbana. Por enquanto, o prefeito regulamentou a modalidade "táxi preto", na qual a empresa teria que se adaptar para atuar na cidade.

No Distrito Federal, a Uber foi liberada pelo governo, mas com uma série de restrições. No Rio de Janeiro, o app havia sido proibido por lei, mas a Justiça derrubou a proibição.

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: