NOTÍCIAS
03/12/2015 16:37 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:38 -02

Os bastidores do FC St. Pauli, o time punk e progressista da Alemanha (VÍDEO)

Joachim Sielski via Getty Images
HAMBURG, GERMANY - NOVEMBER 09: Philipp Ziereis and Goalgetter Lennart Thy of St. Pauli celebrate the third goal 3:0 for St. Pauli during the Second Bundesliga match between FC St. Pauli and Fortuna Duesseldorf at Millerntor Stadium on November 9, 2015 in Hamburg, Germany. (Photo by Joachim Sielski/Bongarts/Getty Images)


FC St. Pauli é o time preferido da segunda divisão da Alemanha. E, sem dúvida, um dos mais carismáticos do mundo. A razão está na visão progressista do clube e de seus apoiadores que lutam contra o racismo, sexismo e fascismo dentro e fora dos estádios.

Mas, como fãs fervorosos e uma atitude punk não fazem um time de futebol vencedor, o St. Pauli tem que lidar com as realidades do esporte moderno: contratos de patrocínio, planos de marketing e reuniões de negócios. Com o aumento de sua popularidade mundo afora, o clube busca equilibrar rentabilidade com responsabilidades sociais.

Mas onde será que isso vai dar?

Fomos até a Alemanha em busca da resposta e podemos adiantar: eles não se renderão ao futebol europeu moderno.

[Assista ao vídeo aqui]

LEIA MAIS

- ASSISTA: Como o legado de Pablo Escobar ainda causa guerras entre cartéis

- O problema dos pesticidas para maconha nos EUA: ninguém sabe usar