NOTÍCIAS
21/11/2015 16:02 -02 | Atualizado 26/01/2017 22:32 -02

6 coisas que fazem do Pearl Jam esta banda INCRÍVEL

SÉRGIO CASTRO/ESTADÃO CONTEÚDO

Não é só a música que faz do Pearl Jam esta banda maravilhosa. O grupo tem um histórico animador de ativismo ambiental. Listamos seis coisas que mostram porque esta banda de Seattle é simplesmente incrível.

1. Do the Evolution: Uma reflexão sobre a evolução do homem e destruição da Terra

Em 1998, o Pearl Jam lançou o álbum do the Evolution, com uma crítica forte ao modelo de vida dos homens na Terra, em nome do progresso. “Esta terra é minha, esta terra é livre. Eu farei o que eu quiser, embora irresponsavelmente. Isto é evolução, baby”, entoa Eddie Vedder, em trecho da música que da nome ao álbum.

2. Uma floresta pela poluição

Em 2003, o Pearl Jam comprou uma floresta de 3,6 mil quilômetros quadrados em Madagascar. A proposta era compensar a emissão de poluentes provocada pela turnê mundial da banda.

3 - Doação de US$ 100 mil para grupos de proteção ao meio-ambiente

Em 2006, a banda doou US$ 100 mil para ambientalistas, também para compensar a poluição causada pela turnê do grupo.

4 - Donativos de US$ 210 mil para o plantio de árvores

Em 2009, o Pearl Jam anunciou a redução de poluentes nos shows, com a doação de US$ 210 mil para o plantio de árvores na área do Puget Sound, região localizada na costa do estado de Washington (EUA).

5 - Prêmio de Planet Defender 2011

Em 2011, o grupo ganhou o prêmio de Planet Defender. Os organizadores ressaltaram a participação frequente do vocalista, Eddie Vedder, na arrecadação de fundos e benefícios para grupos ambientalistas, como a Kelly Slater Foundation e a Kokua Hawaii Foundation, do cantor Jack Johnson. "Ele e o resto do Pearl Jam doaram dinheiro para grupos focados nas alterações climáticas e em outras preocupações ambientais”, ressaltaram os organizadores do prêmio, na época.

6 - Doação do cachê para as vítimas de Mariana e pedido de punição

Na última sexta-feira (20), a banda surpreendeu ao anunciar, no show em Belo Horizonte, a doação do cachê para as vítimas da tragédia de Mariana e cobrar punição da Samarco, controlada pela Vale e pela BHP.

"É duro quando essas grandes empresas usam e abusam da terra apenas para lucrar. Sem nenhum respeito pelo meio ambiente eles provocam acidentes que destroem rios. Esperamos que eles sejam punidos e sejam cada vez mais punidos para que nunca se esqueçam do triste desastre causado por eles", disse Eddie Vedder em português, segundo relato do jornal Hoje em Dia.

Pearl Jam no Brasil

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: