ENTRETENIMENTO

9 motivos para pensar muito bem antes de ficar sentado horas em frente à TV

11/11/2015 17:58 -02 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02
Elyse Butler via Getty Images
A woman watches tv in her hotel room in Lake Taupo, New Zealand.

Quer engordar, acabar com um relacionamento, talvez diminuir suas chances de engravidar – se estiver tentando – e diminuir sua expectativa de vida?

Quer engordar, destruir seu relacionamento, diminuir sua chance de engravidar - se você está tentando - e encurtar sua expectativa de vida? Pegue o controle remoto.

Assistir TV, especialmente durante períodos prolongados, pode fazer mal para sua saúde e reduzir sua qualidade de vida.

Spoiler: o mal não está apenas em ficar sentado. O que assistimos também tem impacto. Do efeito dos romances da TV sobre o amor da vida real aos anúncios de comida que nos fazem exagerar na hora de comer.

1. Pode aumentar sua cintura

is outro motivo para pular os comerciais, além de ver menos TV: “A maioria das pessoas pensa: ‘Bem, se você passar um tempão sentado, vai acabar engordando’.

Mas a maior parte do impacto vem do marketing e da publicidade, que nos fazem aumentar o consumo de alimentos pouco saudáveis”, diz Steve Gortmaker, professor de sociologia da saúde na Escola de Saúde Pública T.H. Chan da Universidade Harvard.

2. Maratonas podem aumentar o risco de diabetes

Pesquisas sobre pessoas com mais risco de desenvolver diabetes mostram que, para cada hora na frente da TV, o risco de desenvolver a doença aumenta 3,4%.

Em vez de se concentrar nos programas assistidos, a pesquisadora Andrea Kriska, epidemiologista da Universidade de Pittsburgh e principal autora de um estudo publicado em abril na revista Diabetologia, diz que assistir TV é um indicador do tempo que as pessoas passam sentadas.

A pesquisadora Bonny Rockette-Wagner diz que outras pesquisas indicam que, ao assistir TV, nos movimentamos ainda menos do que em outras atividades sedentárias, como trabalhar no computador.

3. Pode ser ruim para fazer bebês

Embora existam evidências de que assistir TV , incluindo no quarto, possa aumentar a amorosidade, um estudo de Harvard indica que homens que assistem mais de 20 horas de TV por semana têm 44% menos esperma que caras que não assistem TV.

Um aumento na atividade física, por outro lado, foi associado a contagens de esperma mais altas. Pesquisas prévias associam períodos prolongados diante da TV a um risco maior de doenças cardíacas, que, para os homens, também estão associadas à impotência.

4. Pode prejudicar seus relacionamentos

Quanto mais você acredita nos retratos de romances na televisão, menos comprometido pode estar em seu relacionamento real, segundo uma pesquisa publicada anos atrás na revista Mass Communication and Society. Isso vai de expectativas irreais em relação ao cônjuge a enxergar um “custo” mais alto no relacionamento – em termos de perda de tempo ou de liberdade.

5. Pode fazer com que a criança demore mais para começar a falar

Os americanos começam a ver TV desde muito cedo – e, agora, há outras mídias, como smartphones e tablets. Não há problema em fazer uma sessão de FaceTime com a família, mas, para os pequeninos, a TV pode não ser bom negócio.

“A exposição à TV antes dos 2 anos de idade tem alta correlação com menor desenvolvimento da linguagem”, diz David L. Hill, presidente do Conselho de Comunicações e Mídia da Academia Americana de Pediatria.

“Continuamos recomendando aos pais que não deixem a TV ligada ou não assistam TV rotineiramente para entreter crianças de menos de 2 anos.”

6. Pode aumentar a agressividade

As crianças internalizam o que veem na TV ou nos videogames, dizem os especialistas. “A relação entre agressividade e dessensibilização e o consumo de conteúdos violentos é tão forte, ou mais forte, que a relação entre o cigarro e o câncer de pulmão”, diz Hill, autor de Dad to Dad: Parenting Like a Pro (de papai para papai: criando seus filhos como um profissional, em tradução livre).

Nem todas as crianças são afetadas da mesma maneira, diz ele, mas a exposição à violência na TV faz com que as crianças tendam a aceitar a agressividade em suas vidas.

Pesquisas mostram que a exposição à violência da TV também aumenta a probabilidade de que as crianças se tornem adultos agressivos.

7. Ela isola

Pesquisa apresentada este ano na Conferência da Associação de Comunicação Internacional, em San Juan, Porto Rico, indica que as sensações de solidão e depressão estão associadas a assistir TV.

Embora a pesquisa não tenha concluído que as questões sejam causadas pelo hábito de ver TV, o pesquisador Yoon Hi Sung afirmou em comunicado que maratonas na frente da televisão não devem ser consideradas um vício inofensivo; outros especialistas dizem que o uso cada vez maior de dispositivos eletrônicos pode contribuir para o isolamento das pessoas e para comportamentos antissociais.

8. Pode atrapalhar nosso sono

Colado na TV? A tela da televisão – e dos tablets, cada vez mais usados para assistir programas de TV – podem dificultar o relaxamento, roubando preciosas horas de sono. Uma dica simples para adultos e crianças: tire a TV do quarto – e não assista programas nos dispositivos móveis.

9. Pode encurtar nossa vida

Um estudo com jovens adultos saudáveis apontou que assistir muita TV está associado a mortes prematuras. A pesquisa, publicada ano passado no Journal of the American Heart Association, indicou que os participantes que relataram assistir três horas ou mais de TV por dia tinham duas vezes mais risco de morte nos oito anos seguintes, em comparação com as pessoas que não assistiam mais de uma hora de TV diariamente.

Ou seja: se você assistir muita TV, pode morrer mais cedo do que imagina.

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS:


Este artigo foi originalmente publicado pelo HuffPost US e traduzido do inglês.