NOTÍCIAS
02/11/2015 17:38 -02 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02

Após ser chamado de 'macaco' no Instagram, Michel Bastos vai processar torcedora

michel bastos

O racismo na internet voltou à pauta durante o fim de semana. Se no meio artístico as ofensas contra a atriz Thais Araújo ganharam grande repercussão, no futebol a história triste está ligada ao jogador Michel Bastos, do São Paulo.

No sábado, ele pediu "silêncio" à torcida do clube paulista após marcar um gol. No domingo, foi chamado de 'macaco negro safado' por um perfil feminino na rede social Instagram.

Nesta segunda-feira, o meio-campista anunciou que vai processar a autora dos comentários e disse que quer que o caso seja usado de exemplo contra o racismo.

"Já informei meus advogados sobre o ocorrido e vou tomar todas as medidas cabíveis para que essa pessoa responda legalmente pelo que fez. Se deixarmos esse tipo de situação passar, isso nunca irá cessar. O que pudermos fazer para ser usado de exemplo contra o racismo, seja ele qual for, sempre será importante. Espero que a minha atitude encoraje outras pessoas que sofrem com esse mal a sempre denunciar. Eu jamais irei me calar", disse Michel Bastos, via assessoria de imprensa.

No último sábado, Michel Bastos pediu silêncio para a torcida ao colocar o dedo na boca, após marcar o terceiro gol do São Paulo na vitória sobre o Sport. Recebeu muitas críticas e no domingo pediu desculpas aos torcedores, assumindo que errou ao fazer o gesto. "Nada justifica isso, mas foi uma reação desmedida que acabei tendo por não concordar com quem vai ao estádio vaiar a própria equipe", disse.

Ainda no domingo, uma pessoa com o perfil "nanda_cominni" comentou assim a postagem do atleta: "Macaco negro safado, respeita a torcida. Otário vagabundo, faz por merecer o dinheiro que recebe". Após ver a declaração, Michel Bastos compartilhou o comentário racista comentou em sua conta no Instagram: "Tenho que ficar quieto ainda?".

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: