NOTÍCIAS

Gabriel Medina dá show, vence etapa francesa e quebra jejum de 14 meses (VÍDEO)

15/10/2015 16:52 -03 | Atualizado 27/01/2017 00:31 -02

Atual campeão mundial, Gabriel Medina encerrou em grande estilo o jejum de mais de um ano sem vencer uma etapa do Circuito Mundial de Surfe. Nesta quinta-feira, com atuações impecáveis nas baterias decisivas, o brasileiro conquistou o título da etapa francesa, realizada em Hossegor.

A etapa da França foi, curiosamente, o palco da primeira vitória de Medina no Circuito Mundial de Surfe, em 2011. E ele voltou a triunfar em Hossegor nesta quinta, podendo comemorar a conquista de uma das etapas do Circuito Mundial, o que não fazia desde agosto do ano passado, quando levou a taça no Taiti depois de superar a lenda Kelly Slater na final.

Dessa vez, a conquista de Medina foi sobre o australiano Bebe Derbidge por 17,50 a 9,44. O brasileiro foi bem superior na bateria decisiva, tendo conseguido boas notas logo nas primeiras ondas, ao contrário do adversário, que demorou a pontuar e só conseguiu avaliações intermediárias.

gabriel medina

O brasileiro, inclusive, se deu ao luxo de ousar nas suas manobras, chegando aos 17,00 pontos, frutos das notas 8,00 e 9,00, bem superiores ao resultado de Derbidge, que conseguiu 4,77 e 4,67. Assim, Medina conquistou com certa tranquilidade o título da etapa francesa.

Antes mesmo da final, Medina já havia mostrado que estava em grande forma. Nas semifinais, o brasileiro já havia conseguido a sua segunda nota 10 no evento, o que acabou sendo fundamental para que ele superasse o compatriota Adriano de Souza, o Mineirinho, por 15,67 a 12,50. Esse resultado, inclusive, impediu Mineirinho de deixar a França na liderança do ranking mundial.

Também nesta quinta-feira, nas quartas de final, Medina derrotou o havaiano John John Florence por 14,43 a 13,10. Já Mineirinho havia avançado com o triunfo diante do australiano Owen Wright por 15,37 a 13,83. Outro brasileiro presente às quartas de final, Italo Ferreira deixou a disputa com a vitória do australiano Julian Wilson por 17,00 a 9,00.

Nessa mesma etapa, o australiano Mick Fanning foi eliminado. Ainda assim, ele conseguiu se manter na liderança do ranking mundial, agora com 49.900 pontos. Mineirinho vem logo atrás, na segunda colocação, com 49.450, seguido por Owen Wright, com 43.600, e de Julian Wilson, com 41.450.

Após um início ruim de temporada, Medina ascendeu no ranking com a vitória na etapa francesa e atingiu a quinta colocação, com 40.650, e ainda com chances de defender o título mundial. E o Brasil ainda possui outros dois representantes entre os dez melhores do mundo: Filipe Toledo, em sexto, com 40.200, e Italo Ferreira, em oitavo, com 34.100.

Ainda restam duas etapas para o fim da temporada 2015 do Circuito Mundial de Surfe, com 20 mil pontos em disputa. A próxima está prevista para começar na terça-feira, em Peniche, Portugal. Já a grande decisão será a partir de 8 de dezembro, em Pipeline, no Havaí.

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: