COMPORTAMENTO

19 coisas sobre ser mulher para ensinar à minha sobrinha

05/10/2015 17:34 -03 | Atualizado 07/11/2017 08:43 -02

A vida é complicada. Seguem algumas dicas que podem ajudar.

Querida Elle,

Neste momento você ainda está dentro da barriga de sua mãe, mas isso não quer dizer que não estejamos todos nos preparando para sua chegada no mês que vem. Se você nascer quando está previsto, vai chegar em exatos 41 dias.

Sua mãe e seu pai estão cheios de coisas práticas com que se preocupar no momento, mas eu, como sou sua tia, posso ficar sentada diante da minha mesa e ficar imaginando o tipo de mulher que você vai ser um dia.

Veja algumas coisas que espero poder ensinar a você sobre ser mulher no mundo.

1. Escove os dentes duas vezes por dia. É uma recomendação universal, mas vamos começar por ela.

2. Não seja exigente demais com você mesma. Você vai nascer em uma família forte. É provável que seja muito competitiva por natureza. Eu levei 30 anos para aprender a não ser crítica demais em relação a mim mesma, e ainda é algo que preciso treinar todos os dias.

Mas quero lhe dizer: tudo bem cometer erros. Você não precisa ser perfeita em tudo. Seus erros a tornarão mais humana. (Mesmo assim, vamos torcer para você ser ótima no basquete, vôlei, natação, dança, surfe e corridas de esqui –ou em qualquer coisa em que você queira ser ótima.)

Beyonce: Não sou mandona. Sou a chefe.

3. Não aceite que as pessoas lhe digam que você é mandona – ou que você fala alto demais quando se empolga. Esses são sinais de que você é uma mulher forte!

4. A felicidade não é um estado de ser constante – é um conjunto de momentos. Não somos feitos para vivermos felizes o tempo todo, e nossa felicidade é mais forte, mais bela e mais preciosa justamente por não existir o tempo inteiro.

Eu valorizo tremendamente meus momentos de felicidade, como a vez em que seu pai e eu fizemos uma caminhada para ver o sol nascer sobre Masada, em Israel, ou quando ele me falou de você pela primeira vez, me mostrando a foto da ecografia no carro, em frente à lavanderia. Eu chorei de alegria.

5. Em vez disso, procure se realizar. Experimente muitas coisas e tome nota daquelas que deixam você emocionada por dentro. Pode ser ler, escrever ou ajudar outras pessoas.

Ou, quem sabe, você se sinta realizada construindo carros que andam sem motorista, para que você possa passar mais tempo lendo ou escrevendo em lugar de dirigir. O sentimento de realização pode assumir muitas formas, e a busca disso vai ajudar você a ficar com os pés no chão neste nosso planeta grande e maravilhoso.

Yes!! -@toodalookatie As always if you know the artist let us know and we will tag. #Repost @thebeautybean with @repostapp. ・・・ Amen!

Uma foto publicada por 👙EFF YOUR BEAUTY STANDARDS™👊🏼 (@effyourbeautystandards) em

6. Ame seu corpo. Nem sempre é fácil – não vou mentir. Mas, quanto antes você puder aprender que o corpo sempre muda e que há muitas coisas belas no seu corpo, melhor você vai ficar. E tem mais: seios são uma coisa que dá muito prazer, quer sejam grandes, pequenos ou médios.

7. Medite. Só fui aprender este truque aos 29 anos, mas meus anos de colégio teriam sido muito mais fáceis se eu o tivesse descoberto antes. A vida pode ser estressante. Aprenda a usar as ferramentas disponíveis para ajudá-la a lidar com tudo.

8. Pratique esportes. Todos na família vão lhe dizer que eu demorei a curtir esportes. Eu fugia da bola no campo de futebol e trocava os treinos de natação por uma balança no playground e uma lata de refrigerante de laranja. Mas aos 10 anos de idade aprendi a jogar basquete e alguns anos depois comecei a jogar vôlei também. A prática de esportes me

deixou mais conectada ao meu corpo, e fazer parte de um time é uma das melhores sensações do mundo.

9. Seja gentil. A compaixão é uma qualidade que não é devidamente valorizada. Seja lembrada como a mulher que dava atenção aos outros. Eu me nego a ser definida por isto

10. Escreva um diário. Espero que seu pai já tenha aprendido que não deve vasculhar seu diário – mas, caso não seja esse o caso, recomendo você achar um bom esconderijo para ele e não contar a ninguém onde ele está. Ninguém mesmo, nem a mim.

Escrever pode ajudá-la a refletir sobre as coisas que acontecem em sua vida, e quando relemos um diário, é uma ótima maneira de observar como vamos mudando ano a ano.

11. Viaje – sozinha, se puder. Depois que você tiver idade suficiente para ter suas próprias aventuras, venha conversar comigo. Na primeira vez em que viajei sozinha de avião, aos 9 anos, ouvi "Free Fallin'", de Tom Petty, no meu Walkman durante a decolagem. Eu nunca tinha me sentido tão cool. Aos 22, viajei sozinha para a Bósnia, onde eu não conhecia ninguém. Foi uma das melhores decisões de minha vida.

12. Seja boa perdedora. Cumprimente seu adversário com um aperto de mãos depois de perder ou ganhar, mesmo que seja apenas uma partida de bocha na praia.

13. Elimine de seu vocabulário a palavra "deveria". Faça as coisas porque acredita nelas ou porque você quer, não porque todas as outras pessoas as estão fazendo. Não deixe o sentimento de culpa ser uma força motriz em sua vida.

14. Ouça cantoras maravilhosas como Joni Mitchell, Etta James e Carole King. As canções delas sempre ajudam a consolar um coração partido.

15. O sexo e o amor podem ser coisas muito separadas. Torcemos para que as duas coisas coincidam na maior parte do tempo, mas não confunda uma com a outra. Escolha ficar com alguém que a trate bem. Se ele ou ela não a tratar bem, vá embora. Na mesma hora.

16. Leia livros sobre mulheres fortes. Faça anotações. Leia Matilda, O Sol é Para Todos, Mulherzinhas, O Morro dos Ventos Uivantes, Orgulho e Preconceito, A Redoma de Vidro, Ao Farol, Jogos Vorazes e os poemas de Emily Dickinson.

17. Rejeite a ideia de que alguém pode "fazer você" se sentir de certo jeito. Você não pode controlar as outras pessoas, mas pode controlar sua reação a elas.

18. Ser vulnerável não é fraqueza. É nossa maior fonte de força. É preciso coragem para ser vulnerável, mas ser vulnerável a leva a formar vínculos mais profundos e significativos com as pessoas que a cercam. É ok chorar, e não deixe ninguém lhe dizer que não é.

19. Namoros acontecem. Seu pai não está falando a sério quando diz que qualquer pessoa que queira sair com você vai ter que sair com ele antes. Prometo que você vai crescer e se tornar uma garota normal! O mais importante: você vai amar e ser amada.

Não vejo a hora de conhecer você.

Este artigo foi originalmente publicado pelo HuffPost US e traduzido do inglês.

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: