NOTÍCIAS
04/09/2015 22:53 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:34 -02

A incrível história da atleta americana que disputou três Olimpíadas e se tornou prostituta

Reprodução / Facebook

Suzy Favor Hamilton, 47, foi heptacampeã americana de atletismo e correu as provas de 800m e 1.500m de três Olimpíadas: 1992 (Barcelona, Espanha), 1996 (Atlanta, EUA) e 2000 (Sydney, Austrália).

Acontece que sua enorme vontade de vencer culminou numa obsessão e seu transtorno bipolar se complicou. A história toda é contada por ela mesma em sua autobiografia, que ganhou o nome de Fast Girl e chega às lojas no próximo dia 14.

suzy favor hamilton

Quando decidiu largar as pistas, Suzy passou a apresentar um quadro grave de depressão, que precisou de altas doses de medicamentos para ser controlada. E aí, ainda de acordo com a atleta, seus desejos sexuais foram alçados a níveis bastante altos.

Suzy saiu de um tratamento contra a depressão ao trabalho como prostituta num hotel de Las Vegas em pouco tempo. Usando o nome falso de Kelly Lundy, a atleta cobrava cerca de US$ 600 por hora de programa. A vida dupla da ex-corredora durou até 2012, quando a história dela chegou à imprensa. A repercussão das notícias fizeram com que Suzy pensasse no suicídio.

suzy favor hamilton

"Hoje, graças ao diagnóstico e à terapia, Kelly foi colocada às sombras e Suzy está construindo uma vida melhor. Um dia de cada vez".

A atleta acredita que outras pessoas sofram de problemas semelhantes e espera que abrir sua vida possa ajudá-las a procurarem as orientações médicas adequadas. Os maiores detalhes da trajetória da campeã, claro, estarão no livro.

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: