NOTÍCIAS
29/07/2015 09:43 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02

Crise Humanitária: Milhares de imigrantes tentam atravessar canal da Mancha

AP Photo

Apenas nessa semana, cerca de 3.500 pessoas tentaram entrar no túnel sob o canal da Mancha, perto de Calais (Norte de França), com o objetivo de chegar ao território britânico, informou o grupo Eurotúnel.

“É a maior tentativa de incursão [de imigrantes] do último mês e meio”, afirmou à agência francesa AFP um porta-voz do grupo responsável pela gestão do túnel que liga o continente europeu ao Reino Unido falando sobre a noite de terça-feira (28), quando 2.000 imigrantes tentaram entrar no túnel.

A proximidade com o Reino Unido atrai anualmente para a localidade francesa de Calais muitos imigrantes que tentam atravessar de forma ilegal o Eurotúnel e chegar ao território britânico. Algumas destas incursões acabam por ser mortais para os imigrantes.

“Todo o nosso pessoal de segurança, que são cerca de 200 pessoas, bem como a polícia, foram chamados ao local”, indicou o representante do Eurotúnel.

O incidente acabou por afetar os serviços do Eurotúnel, que registraram atrasos, cerca de uma hora do lado britânico e cerca de 30 minutos do lado francês.

Na noite desta quarta-feira (29), um imigrante sudanês morreu tentando fazer a travessia. Ele foi provavelmente atingido por um caminhão que saía de um dos compartimentos que transporta veículos pelo túnel. A mídia francesa relatou que ele foi o nono imigrante a morrer no túnel desde o início de junho.

Segundo os últimos dados oficiais, a maioria dos imigrantes que tenta passar pelo túnel vêm de países como a Etiópia, Eritreia, Sudão ou Afeganistão. Eles estão acampados na região de Calais para tentar fazer a travessia.

O grupo Eurotúnel pede cerca de 9,7 milhões de euros aos governos britânico e francês como compensação das perturbações provocadas pelos imigrantes ilegais.

(Com informações das agências de notícias.)

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS: