NOTÍCIAS

Depois de dizer que seria um péssimo político, Datena decidiu concorrer à Prefeitura de São Paulo

28/07/2015 21:36 -03 | Atualizado 26/01/2017 22:52 -02
Divulgação

O apresentador do Brasil Urgente, José Luiz Datena vai concorrer à Prefeitura de São Paulo. A personalidade é a mesma que já disse ser “injusto” que apresentadores se tornem políticos.

De acordo com o colunista Flávio Ricco, a decisão foi tomada nesta terça-feira (28), em um encontro com o deputado Guilherme Mussi, do Partido Progressista - o mesmo de Paulo Maluf e o que tem mais políticos envolvidos na Operação Lava Jato.

Ao lançar a candidatura, Datena vai na contramão do seu próprio discurso. Em 2012, além de dizer que considerava injusto, ele disse que os famosos deveriam se autoproibir da política, adiantou que não é bom administrador e afirmou que seria um péssimo político.

Em entrevista ao Uol Vê TV, ele fez críticas indiretas ao deputado Celso Russomano (PRB-SP), apresentador de TV, que já foi filiado ao PP. Na época, ele afirmou que “não é porque o cara é bom de rádio que ele vai ser um bom vereador.

"Sou uma porcaria como administrador, não tenho consciência do que é administrar. Posso comentar bem em alguma coisa, ou comentar mal. Me expresso, dou minha opinião. Eu seria um péssimo político, não teria capacidade nenhuma para ser um bom político. (…) Sou um apresentador com nível de audiência altíssimo, mas isso não quer dizer que eu seria um bom administrador, seria um péssimo político e, além de péssimo político, está cheio de político ladrão.(…) Mais um imbecil lá não ia acrescentar em nada, seria um idiota qualquer. O cara confunde credibilidade com capacidade.”

Namoro político

O jornalista chegou a conversar com integrantes do PSB e do PSDB antes de bater o martelo pelo PP. Ao colunista, Datena disse que vai montar uma chapa com o deputado estadual delegado Antonio Assunção de Olim. Segundo ele, não haverá espaço para montar coligações com outros partidos.

À Folha de S.Paulo, o apresentador disse que explicou a oferta: "Eles fizeram uma proposta honesta, direta e reta. Eu não me senti usado. Simples assim".